2º na GT Le Mans nas 24 Horas de Daytona, Farfus valoriza resultado, mas admite frustração: "Batemos na trave"

Augusto Farfus completou a primeira prova da temporada em quinto no geral e segundo na categoria GT Le Mans. O curitibano aprovou o resultado e a boa sintonia com os companheiros

Augusto Farfus começou bem a temporada 2015. O curitibano ficou na quinta colocação nas 24 Horas de Daytona, segundo posto na classe GT Le Mans. Apesar do bom resultado, o quarteto que tinha o brasileiro, Bruno Spengler, Bill Auberlen e Dick Werner teve a sensação de que bateu na trave, já que ficou apenas 0s5 atrás dos vencedores da categoria, Jan Magnussen, Ryan Briscoe e Antonio Garcia.
 
O brasileiro valorizou o primeiro resultado do ano, mas admitiu certa frustração por ter ficado a apenas 0s5 do primeiro lugar da categoria em que disputou a tradicional prova americana.
 
"Estou muito orgulhoso pelo nosso resultado e pelo que conseguimos. Claro que a gente sempre quer o primeiro lugar, e terminar uma corrida de 24 horas a menos de 0s5 da vitória é um pouco frustrante, batemos na trave. De qualquer forma, é uma boa maneira de começar a temporada, fazendo a volta mais rápida do nosso carro e subindo ao pódio de uma corrida tão importante, então é isso o que conta”, disse. 

Augusto Farfus ficou na segunda posição na GT Le Mans nas 24 Horas de Daytona (Foto: Divulgação)

Farfus valorizou a sintonia com os companheiros de equipe e falou em dever cumprido na prova de longa duração.
 
“Foi um fim de semana cansativo, mas o bom é que nossa equipe funcionou bem, tivemos um ótimo entrosamento, e essa é a parte legal de uma prova de 24 horas: a união e o objetivo alcançado pelo trabalho conjunto. Então volto para casa com sentimento de dever cumprido e bastante feliz por tudo o que realizamos em Daytona”, completou.
 
Farfus terminou a temporada 2014 do DTM apenas na 13ª colocação, marcando 39 pontos em dez etapas.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube