Ferrari anuncia entrada em classe de hipercarros do WEC em 2023

A Ferrari retorna à mais alta classe do mundial de endurance após longo hiato. A montadora se une a Toyota e Peugeot ao embarcar na febre dos hipercarros

A quarta-feira (24) foi de grandes notícias para a Ferrari e o Mundial de Endurance. A marca italiana confirmou participação na nascente categoria de hipercarros, levando seu projeto às pistas na temporada 2023.

A Ferrari, assim, encerra um hiato de 50 anos na principal classe do endurance mundial. A montadora fez história nas 24 Horas de Le Mans nos anos 1960, com a vitória mais recente vindo em 1965, mas se afastou na década de 1970, passando a competir apenas com carros GT.

A Ferrari estava afastada dos protótipos desde a década de 1970 (Foto: Ferrari)


Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

“Ao longo de 70 anos de automobilismo, nós levamos carros também com rodas cobertas às vitórias em pistas ao redor do mundo, fazendo experiências com soluções tecnológicas de ponta”, disse John Elkann, presidente da Ferrari. “Inovações que vêm dos autódromos e vão para cada carro de rua produzido em Maranello. Com o novo projeto de hipercarro para Le Mans, a Ferrari renova seu compromisso esportivo e confirma seu desejo de ser protagonista em campeonatos mundiais de excelência”, seguiu.

A Ferrari é a terceira montadora a confirmar projeto na classe de hipercarros, que estreia em 2021, uma temporada de transição. A Toyota ganha a companhia da Peugeot em 2022, com a turma de Maranello vindo um ano depois. A Audi deixou a Fórmula E para focar no WEC, mas ainda não confirmou oficialmente presença na classe de hipercarros.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube