Vencedor em 2016, Derani vê 24 Horas de Daytona como prova “especial e emocionante” e fala em repetir sucesso

Pipo Derani está prestes a disputar sua terceira temporada do SportsCar e, por conseguinte, a terceira edição das 24 Horas de Daytona. Vencedor da corrida na temporada 2016, o piloto considera a famosa corrida como uma um tanto quanto diferente para si

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

A temporada 2018 do SportsCar começa com as 24 Horas de Daytona no próximo fim de semana. Para Pipo Derani, que inicia o terceiro ano no volante da Tequila Patrón, se trata de uma corrida marcante.

 
Aos 24 anos de idade, Derani já pode se gabar de ter no currículo um doblete com vitórias das 24 Horas de Daytona e das 12 Horas de Sebring na mesma temporada, em 2016. Dois anos depois e com um desempenho forte nos testes coletivos do começo do mês, a expectativa é repetir o sucesso na Flórida. 
 
“Estou feliz por iniciar a temporada 2018 do IMSA SportsCar – e melhor ainda começar em Daytona. Essa corrida é muito especial e emocionante. O Johannes [van Overbeek] e eu vamos lutar por nossa segunda vitória com a equipe, depois do sucesso que tivemos em 2016”, lembrou Pipo.
 
“O Nico [Lapierre] também estará conosco no #22 Tequila Patrón Nissan e tenho certeza de que ele terá uma grande performance, como sempre, e estamos o recebendo com muita alegria na equipe”, continuou.
 
Um pedido que Derani fez foi para que o IMSA, órgão regulador do SportsCar, tome muito cuidado para acertar o BOP, que é o equilíbrio entre carros e motores diferentes dentro da corrida.
Pipo Derani (Foto: Big Tom)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

“Eu realmente espero que o IMSA tenha conseguido um equilíbrio na performance de cada competidor, para que todos tenham chances reais de lutar pela vitória, para que ela fique com a melhor equipe e os melhores pilotos”, encerrou.

 
Como contou Derani, seu trio também terá Johannes van Overbeek e Nicolas Lapierre, este substituindo os outros dois membros do time vencedor de 2016, Ed Brown e Scott Sharp.
 
As atividades em Daytona começam na próxima quinta-feira, com os treinos livres. A classificação acontece na sexta-feira, enquanto a largada está marcada para as 17h40 (de Brasília) do sábado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube