Peugeot cutuca WEC e reclama de “tratamento injusto” após 6 Horas de Spa

O time francês disse que ficou "decepcionado" com o desempenho do carro na prova belga do WEC

A Peugeot não gostou do desempenho do último fim de semana e cutucou indiretamente o WEC após as 6 Horas de Spa-Francorchamps. A equipe francesa não mencionou o BoP (Balance of Performance) da classe dos Hipercarros porque o regulamento esportivo da categoria proíbe expressamente que fabricantes, equipes e pilotos falem publicamente sobre o tema, mas se mostrou incomodada por acreditar que a Peugeot 9×8 2024 Le Mans deveria ter recebido alterações de desempenho para a etapa da Bélgica. Os carros franceses terminaram a prova em décimo e 14º.

“Minha sensação é de que estamos sendo tratados injustamente”, disse Jean-Marc Finot, chefe da equipe, à revista inglesa Autosport. “Passamos um ano tentando melhorar o carro e não vemos o efeito na pista de corrida ou em nossos resultados. Isso é muito difícil de entender e é muito ruim para o moral da equipe”, lamentou o dirigente.

O carro francês não conseguiu ser competitivo na em Ímola e não recebeu nenhum ajuste do BoP antes das 6 Horas de Spa, realizada no último fim de semana. O carro recebeu um aumento de peso de 4 kg e uma redução de potência de 2 kW antes da terceira rodada do WEC. A maioria dos protótipos tiveram poucos ajustes para a prova, exceto a Ferrari 499P LMH, que, após a prova italiana, ganhou 12 kg e sofreu uma redução de potência de 4 kW (equivalente a 5 cv).

“Estamos bastante decepcionados com o desempenho do carro aqui. Sabíamos desde o início, no TL1, que seria bastante difícil, mas esperávamos estar um pouco melhores do que mostramos”, afirmou Finot. “Há algo que não posso falar que será diferente para as 24 Horas de Le Mans, mas não posso fazer nenhuma previsão”, completou.

PEUGEOT, 93, WEC, ENDURANCE
Peugeot criticou indiretamente a organização do WEC (Foto: Peugeot Sport)

À Autosport, a Automobile Club de l’Ouest, que co-organiza o WEC com a FIA (Federação Internacional de Automobilismo), explicou a metodologia BoP introduzida para a temporada 2024. “O processo do BoP estabelece uma janela e, se um carro estiver com desempenho excessivo, nós o reduzimos rapidamente. Mas se um carro estiver com desempenho abaixo do esperado, reagimos mais devagar para evitar o sandbag — estratégia em que uma equipe ou piloto esconde seu desempenho genuíno para enganar os adversários —”, explicou o presidente do clube, Pierre Fillon.

Mundial de Endurance [WEC] retorna entre os dias 12 e 16 de junho, quando será realizada a quarta etapa da temporada, as lendárias 24 Horas de Le Mans, com transmissão do GRANDE PRÊMIO.

:seta_para_frente: Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
:seta_para_frente: Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Chamada Chefão GP Chamada Chefão GP 🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias do GP direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.