5 coisas que aprendemos no lançamento do VF-24, novo carro da Haas para F1 2024

Haas voltou as atenções da Fórmula 1 para 2024 com o lançamento do VF-24. Por enquanto, carro é apenas uma versão renderizada de uma pintura que é mais preta e vermelha que a do ano passado. GRANDE PRÊMIO traz os aprendizados

Se a temporada 2025 da Fórmula 1 foi o grande assunto da semana do esporte a motor, a sexta-feira (2) marcou o retorno das atenções para 2024. Última colocada no Mundial de Construtores passado, a Haas foi a primeira a divulgar o novo carro, batizado como VF-24. O lançamento foi bastante modesto, com um vídeo de 1 minuto publicado no canal oficial do time.

O lançamento, inclusive, nem foi necessariamente do carro, e sim de uma pintura renderizada no modelo do ano passado, como já é tradição por parte do time americano. O VF-24 só será visto de verdade mesmo no dia 21 de fevereiro, na abertura da pré-temporada, que acontece no Bahrein. Mesmo assim, já podemos aprender algumas coisinhas com o que foi mostrado. E o GRANDE PRÊMIO aponta aqui:

Pessimismo dita ritmo do VF-24

“Quando iniciarmos os trabalhos no Bahrein, acho que estaremos no final do grid, talvez até mesmo nos últimos lugares. Desde que me tornei chefe da equipe, gastei muito tempo conversando com os técnicos e estão empolgados com a oportunidade de melhoria em algumas áreas”.

Haas mostrou seu carro para a temporada 2024 da F1 (Foto: Haas)

Foi com esta frase que Ayao Komatsu abriu o lançamento virtual do VF-24, e que já indica muitas coisas: a Haas, de fato, não deve sair da lanterna na temporada 2024. É um movimento completamente esperado, inclusive, pela falta de investimento do time e as mudanças internas bruscas que ocorreram com menos de 90 dias para o início do próximo campeonato. Só milagre e incompetência alheia que vão tirar o time de Kannapolis da lanterna.

Legado de Steiner ainda está vivo

Após mais uma no de lanterna, a Haas fez uma mudança executiva muito impactante: sacou o chefe de equipe Guenther Steiner, que estava no time desde a estreia na Fórmula 1, em 2016, para a promoção do japonês Ayao Komatsu. Todavia, os dedos de Steiner ainda vão aparecer por 2024.

Isso porque praticamente todo o desenvolvimento do carro foi comandado por Steiner. É bem possível que Komatsu, que inclusive teve enorme papel como diretor-técnico, só tenha passado a comandar de vez as ações já na reta final de preparação. Logo, mesmo com novo chefe, as digitais do antigo ainda vão estar presentes no VF-24.

Gene Haas mais participativo

Apesar de ter o próprio sobrenome na equipe de Fórmula 1, é certo que Gene Haas nunca gostou tanto de aparecer nos paddocks ao redor do mundo, e é bem possível que isso tenha acontecido por estabelecer uma relação de enorme confiança em Steiner. Porém, duas temporadas recentes na lanterna parecem ter mudado a mente do dono.

Gene, inclusive, foi bastante vocal na saída de Steiner ao afirmar que a equipe estava passando vergonha nos últimos tempos. Com a promoção de Komatsu, é bem possível ver o dono mais ativo na imprensa e também visto nos paddocks ao redor do mundo.

Haas mostrou seu carro para a temporada 2024 da F1 (Foto: Haas)

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Lançamentos cada vez mais modestos

O lançamento do VF-24, inclusive, não foi nada glamuroso. A primeira impressão do novo carro da Haas veio por uma curta apresentação de 1 minuto no canal oficial do time no YouTube. O resto do conteúdo, com as falas de Komatsu e Gene Haas, vieram apenas pelo site. Ninguém deu a cara.

Em defesa da Haas, já é uma tradição o tipo de lançamento modesto do time, que inclusive raramente mostra qualquer coisa do carro em si — esse só vem mesmo na pré-temporada — mas é fato que as equipes de Fórmula 1 tem ligado cada vez menos para os eventos, já que reforçam o trabalho intenso em outras evoluções até a primeira corrida do ano.

Cadê os pilotos?

Teve fala de Gene Haas, teve fala de Ayao Komatsu e teve fala até do CEO da Moneygram, sistema de pagamentos online que é o patrocinador principal do time, mas…onde estão Kevin Magnussen e Nico Hülkenberg?

É claro que ambos passariam por um briefing com a finalidade de evitar maiores críticas sobre o desenvolvimento do carro e as baixas expectativas. Porém, seria interessante saber o que ambos pensam e o que eles têm de expectativa para a temporada. Os pilotos não declararam absolutamente nada no lançamento oficial. No máximo, publicações nas redes sociais. O que isso significa? Não sabemos, mas é curioso.

Fórmula 1 retorna às pistas de 21 a 23 de fevereiro, com os testes coletivos da pré-temporada no Bahrein, no circuito de Sakhir.

🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias da Fórmula 1 direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra, Escanteio SP e Teleguiado.