Acusado de influenciar na punição de Pérez, ex-agente se defende: “Não tive nada com a decisão”

Ex-empresário de Sergio Pérez, Adrian Fernández se defendeu das acusações de ter influenciado na decisão dos comissários do GP do Canadá de punir o mexicano pelo acidente em Montreal

A cobertura completa do GP do Canadá no GRANDE PRÊMIO
As imagens deste domingo da F1 no Canadá

Adrian Fernández, ex-empresário de Sergio Pérez, se defendeu das acusações de que teria influenciado a decisão dos comissários do GP do Canadá de punir o piloto mexicano por conta de um acidente com Felipe Massa. Por conta de uma colisão no final da etapa de Montreal, o piloto da Force India perdeu cinco posições no grid de largada da Áustria.
 
Insatisfeito com a decisão, Pérez lamentou na manhã desta segunda-feira (9) que um outro mexicano tenha influenciado na decisão dos comissários. Convidado pela FIA (Federação Internacional de Automobilismo), Fernández acompanhou o trabalho dos comissários em Montreal.
Na sequência, o acidente entre Felipe Massa e Sergio Pérez (Foto: AP)
“Estou surpreso ao ouvir que tive algo a ver com a punição ao Checo”, escreveu Fernández no Twitter. “Eu era simplesmente um observador e não tive nada a ver com a decisão”, completou.
 
Diretor de provas da F1, Charlie Whiting explicou que Fernández estava no circuito Gilles Villeneuve como observador, já que vai compor o quadro de comissários no GP da Rússia, em Sochi.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube