Alonso admite estar enferrujado em teste com Renault: “Carro foi melhor que eu”

Fernando Alonso reconheceu que ainda precisa se reacostumar com carros de Fórmula 1. Mesmo assim, o saldo do dia de filmagem foi positivo: Alonso aprovou o desempenho do R.S.20

Fernando Alonso finalmente voltou ao cockpit de um carro de Fórmula 1. A Renault cedeu um dia de filmagem ao espanhol nesta terça-feira (13) em Barcelona, servindo efetivamente como o primeiro contato do piloto com a R.S.20, carro da temporada atual. Foi um aprendizado importante, e por mais de um motivo: além de conhecer melhor como funciona a equipe, Fernando já pôde perceber que ficou um pouco enferrujado e precisa voltar ao melhor rendimento.

“Fico muito feliz por voltar ao carro, ainda que sejam apenas 100 km”, disse Alonso. “Isso me ajudou a desfrutar novamente a F1. Estou feliz por estar com a equipe que foi minha família durante todos esses anos. Hoje o carro esteve melhor que eu, apesar de melhorar volta após volta. Acostumar-se outra vez com a F1 não é fácil. O carro tem potencial e margem de evolução, me passou boas sensações”, destacou.

F1; FÓRMULA 1; FERNANDO ALONSO; BARCELONA; RENAULT; TESTE; DIA DE FILMAGEM;
Fernando Alonso nos trabalhos desta manhã no reencontro com o carro de Fórmula 1 da Renault (Foto: Renault F1 Team)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

“Também tem a parte de entrar em forma, principalmente com o pescoço. Hoje estou bem, mas preciso ver amanhã. Também é necessário trabalhar com o assento, os pedais e a relação com os engenheiros para que a gente possa se entender só de olhar um para o outro”, refletiu.

A atividade foi produtiva, mas curta. Como era oficialmente um dia de filmagens, a Renault não podia completar mais do que 100 km. Isso é menos do que um terço de uma corrida de F1, representando 21 voltas em Barcelona. Além disso, é obrigatório o uso de pneus de exibição da Pirelli, sem a mesma performance dos utilizados em atividades oficiais da categoria.

Mesmo assim, Alonso ficou menos enferrujado. O último contato do espanhol com um carro de F1 foi mais de um ano atrás, em abril de 2019, quando a McLaren o convidou para teste coletivo no Bahrein. De lá para cá, o bicampeão fez de tudo: Indy, Mundial de Endurance e até Rali Dakar.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube