Alonso dá uma de fiscal e empurra carro com problema da McLaren para os boxes durante classificação

Fernando Alonso teve uma dupla função durante a classificação deste sábado (25) na Hungria. O espanhol se viu novamente com problemas em sua McLaren e acabou empurrando por um tempo sozinho seu carro até os pits para tentar participar do treino. O que ganhou com isso foram aplausos da torcida apenas

A vida de Fernando Alonso parecia ter mais sossego no fim de semana na Hungria depois de uma sexta-feira e um treino livre de sábado sem problemas. Até havia a esperança de alguns de que pudesse pensar em passar ao Q3. Mas a classificação trouxe de volta a realidade. E a realidade da McLaren Honda é sinônimo de problemas. O que fez o espanhol ter até outra função na F1.

Alonso conseguiu passar por um triz para o Q2 com o 14º tempo. Já era um alento e tanto. Faltando cerca de 8 minutos para o fim da sessão, o piloto vinha para as curvas finais do circuito magiar e simplesmente parou. Veio na banguela para tentar levar aos boxes, mas ficou faltando poucos metros para a entrada. Parado, Alonso desceu do carro e, sem pestanejar, começou a empurrá-lo como se fosse um fiscal.

Alonso empurra carro da McLaren e acena para torcida (Foto: Reprodução)

Os auxiliares de pista só entraram na cena assim que a direção de prova acionou a bandeira vermelha. Alonso teve certa dificuldade para fazer o carro sair do lugar, mas uma vez que embalou, restou aos fiscais o trabalho fácil. O bicampeão de 2005 e 2006 foi aplaudido pela torcida enquanto corria para os pits da equipe.

Nos boxes, Alonso soube que, mesmo se a McLaren resolvesse o problema, teria de ficar por lá porque o excelente regulamento da F1 proíbe. "Tive sorte por ter tido ajuda, mas quando cheguei à garagem, me disseram que não poderia voltar. As regras dizem que o carro tem de chegar por sua própria conta, então de nada valeu meu esforço", resmungou. "É uma regra estranha, já que vimos muitas vezes um carro chegar rebocado e depois participar da sessão." 

Alonso vai largar apenas em 16º no décimo GP da temporada, explicou aos jornalistas que teve um problema elétrico. A pole ficou com Lewis Hamilton, da Mercedes.

O GRANDE PRÊMIO acompanha as atividades do GP da Hungria em TEMPO REAL.

O NOVO PROJETO DO GRANDE PRÊMIO

Flavio Gomes: nossos patrões — os detalhes do projetoColabore com o projeto e ganhe uma camiseta da Red Bull

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube