Alonso descarta solução mágica e insiste que desempenho no Bahrein será “mais ou menos como na Malásia”

Fernando Alonso se mostrou realista quanto a uma melhora da Ferrari no Bahrein e descartou qualquer mudança mágica. O espanhol voltou a pedir maior evolução e disse que falta competitividade ao carro italiano

Depois do quarto lugar no GP da Malásia no último domingo (30), Fernando Alonso descartou qualquer "solução mágica" para uma melhora da Ferrari e entende que a equipe italiana ainda não possui condição de brigar com os ponteiros na etapa do Bahrein, que acontece neste final de semana.

Adotando uma postura bastante crítica neste início de campeonato, o espanhol continua pedindo por uma evolução maior e mais rápida da F14T. Para o bicampeão, ainda falta competitividade à esquadra vermelha. "Acho que, no Bahrein, não vamos ver uma imagem muito diferente da que vimos na Malásia", disse o asturiano.

Fernando Alonso não espera melhora da Ferrari no Bahrein (Foto: Getty Images)

"Obviamente, em poucos dias estaremos na pista novamente, por isso o desempenho vai ser mais ou menos o mesmo. As características da pista são diferentes e será difícil, mas, de alguma forma, acho que vamos conseguir ficar entre os cinco primeiros. No momento, com a performance que temos, acredito que poderemos conseguir bons pontos", completou.

Alonso reconheceu que o time de Maranello teve um desempenho bem melhor na Malásia, apenas dos 35s de diferença para o vencedor Lewis Hamilton. "Fomos um pouco mais rápidos do que em Melbourne. É verdade que ficamos a 35s de Nico Rosberg na Austrália, mas lá teve um safety-car. Ao caso contrário, acho que teríamos terminado um minuto atrás."

"Agora, estamos 35s sem safety-car. Não é bom, mas um pouco melhor. No Bahrein, infelizmente não vejo uma mudança mágica, mas não estamos desistindo. Sabemos que precisamos fazer, temos potencial e as pessoas certas para colocar tudo no lugar e evoluir", acrescentou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube