Alonso vê F1 previsível, mas deixa porta aberta para retorno por mudanças de 2021

Fernando Alonso afirmou que ainda tem desafios para encarar fora da Fórmula 1, mas admitiu considerar um retorno caso o regulamento de 2021 torne o esporte menos previsível

Fernando Alonso ainda não desistiu de vez da Fórmula 1. Mesmo falando em encarar novos desafios fora do Mundial, o espanhol admitiu voltar, mas desde que o regulamento de 2021 resulte em mudanças na competitividade da categoria.
 
Bicampeão da F1, Alonso deixou o grid no final da temporada passada depois de quatro anos com a McLaren. Nos últimos anos, no entanto, Fernando tem buscado a Tríplice Coroa do automobilismo mundial. 
 
Atualmente, Alonso tem trabalhado com a Toyota para encarar o Rali Dakar, mas nem por isso fechou a porta de vez para a F1. 
Fernando Alonso (Foto: McLaren)
Paddockast #32
AS PISTAS MAIS PERIGOSAS DO MUNDO

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

“Preciso encarar alguns desafios diferentes fora da F1, eles ainda não acabaram, como a Indy 500 e outras coisas”, disse Alonso à emissora inglesa Sky Sports. “Em 2021, com o novo regulamento, podemos ver uma boa mistura e uma Fórmula 1 diferente da que vemos agora”, seguiu.
 
“As razões pelas quais deixei a F1 ainda estão presentes com o domínio claro de uma equipe e corridas muito previsíveis, mas, em 2021, tem a chance de que isso mude e pode ser uma boa oportunidade”, ponderou. “Qualquer outro esporte é um pouco mais imprevisível do que a F1. A MotoGP é mais imprevisível. A Indy é mais imprevisível”, comparou.
 
“Acho que o novo regulamento é feito para isso, para nivelar o pelotão e ter mais opções”, destacou. “A única coisa ruim é o calendário. 22 corridas sem parar. Estou ficando velho”, completou.
 
O GP da Itália de F1 está marcado para o domingo (8), às 10h10 (de Brasília). Acompanhe a cobertura AO VIVO e EM TEMPO REAL do GRANDE PRÊMIO.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube