Após pré-temporada caótica, Vettel diz que RB10 de Melbourne vai ser diferente do carro testado até agora

Depois de uma pré-temporada repleta de problemas, Sebastian Vettel afirmou que o carro da estreia em Melbourne será diferente daquele que foi testado até então. Tetracampeão reconheceu que o time não está entre os favoritos para vencer

A Red Bull não teve vida fácil na pré-temporada 2014 da F1. Sofrendo com o RB10 e também com os novos motores V6 turbo da Renault, Sebastian Vettel e Daniel Ricciardo pouco conseguiram rodar. Ao longo dos 12 dias de testes, a escuderia completou 1700 km, três vezes menos que a dupla da Mercedes e seu W05.
 
Na semana de estreia da temporada, Vettel destacou que a Red Bull está trabalhando para reverter a situação, mas frisou que os resultados deste trabalho podem tardar a chegar. 
Vettel destacou que vai levar tempo para trabalho da Red Bull dar resultado (Foto: Mark Thompson/Getty Images)
“Só no mundo dos quadrinhos o progresso é tão rápido e imediato”, disse Vettel em entrevista ao jornal germânico ‘Welt am Sonntag’. “Mas só em Melbourne nós vamos saber o quão longe dos rivais nós realmente estamos”, ponderou. 
 
Ainda, Sebastian anunciou que o RB10 que estará na pista em Melbourne para o GP da Austrália será diferente daquele que foi testado ao longo do inverno europeu.
 
“O carro que vamos usar em Melbourne só será igual ao que testamos no inverno por fora”, contou. “Por dentro, será diferente”, garantiu. 
 
“É difícil dizer onde estamos, mas certamente não é entre os favoritos para vencer”, concluiu o piloto germânico.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube