Banco alemão BayernLB estuda processar Ecclestone por caso de suborno, revela emissora britânica

Bernie Ecclestone deve enfrentar um novo processo judicial em Londres. De acordo com a BBC, o banco alemão BayernLB ― que detinha 47% de participação da F1 em 2005 ― solicitou acesso às provas documentais utilizadas na ação da Corte de Londres, que julga um suposto esquema de suborno envolvendo Ecclestone na venda da F1 ao grupo CVC

Bernie Ecclestone pode sofrer novo processo judicial na esteira dos problemas que já enfrenta com a Justiça inglesa devido a questões relacionadas à venda da F1. De acordo com a BBC, o banco alemão BayernLB ― que detinha 47% de participação no esporte ― solicitou acesso às provas documentais utilizadas na ação da Corte de Londres, onde atualmente o presidente da FOM está se defendendo de um pedido de £ 100 milhões (ou aproximadamente R$ 368 mi) de indenização da Constantin Medien.

O grupo de mídia alemão alega que o britânico pagou £ 27 milhões (quase R$ 100 milhões) em suborno ao banqueiro Gerhard Gribkowsky, para facilitar a venda do esporte ao atual proprietário, o grupo CVC Capital Partners, em 2005. O Constantin afirmou que foi seriamente prejudicado por conta do suposto suborno e alegou que a negociação se deu "sem o processo normal e adequado".

Bernie Ecclestone pode enfrentar novo processo na Inglaterra (Foto: Getty Images)

O Constantin, também ex-acionista da F1, planeja usar os documentos relativos à venda para apoiar sua alegação de que Ecclestone e Gribkowsky, ex-diretor do BayernLB, estavam envolvidos em um "acordo corrupto" para também fortalecer a posição de comando do inglês no esporte. Esses documentos podem agora movimentar uma ação do BayernLB contra o britânico.

Gribkowsky foi preso no ano passado após se declarar culpado em um tribunal em Munique por aceitar US$ 44 mi (R$ 100 mi aproximadamente) de pagamentos da Bambino Holdings, empresa da família de Ecclestone. Há um ano, o banco alemão escreveu aos advogados do dirigente máximo exigindo o pagamento de US$ 400 milhões (R$ 230 mi) em danos pelo caso, mas sem sucesso.

O banco estatal agora está observando o processo em curso em Londres, para então decidir se vai iniciar ou ano uma ação judicial contra Bernie. Já o julgamento do Constantin está previsto para terminar em 12 de dezembro, com o veredito esperado para o início do novo ano. O pedido do BayernLB para ter acesso aos documentos será avaliado na próxima semana. Também segundo a BBC, o grupo de mídia não deve se opor à liberação das provas.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube