Sainz celebra “grande ritmo” da Ferrari nos EUA: “Fizemos quase tudo perfeito” 

Carlos Sainz afirmou que ficou bem feliz com resultado em Austin e que ficou impressionado com ritmo de sua Ferrari em comparação com a McLaren para ficar com a quarta posição

Em um fim de semana em que a Ferrari não estava entre as favoritas e, segundo os próprios membros do time, começou atrás da Red Bull, Mercedes e McLaren, Carlos Sainz conseguiu garantir a quarta posição no GP dos EUA, realizado neste domingo (22). O espanhol ficou feliz com o desempenho em comparação com o ritmo que tinha na corrida sprint em Austin.

Com o quarto lugar, Sainz conseguiu chegar a 168 pontos, se aproximando ainda mais de Fernando Alonso no Mundial de Pilotos. O veterano compatriota abandonou a prova e a diferença agora é de 15 tentos.

Relacionadas


“Tivemos um grande ritmo, acredito que tiramos o máximo proveito deste fim de semana. Uma corrida sólida perto do pódio. Depois do ritmo de ontem na corrida de sprint, parecia um pouco complicado. Fizemos quase tudo perfeito. É um bom quarto lugar”, comemorou Sainz.

A decisão da Ferrari de começar a corrida com os dois carros utilizando diferentes tipos de pneus na corrida sprint serviu como uma experiência valiosa para o espanhol.

Espanhol está cada vez mais próximo de Alonso no Mundial de Construtores (Foto: AFP)

Na prova principal, Charles Leclerc tentou fazer apenas uma parada, mas o monegasco acabou sendo ultrapassado por todos os pilotos que vinham com mais velocidade, incluindo Sainz, que ficou admirado com o ritmo de sua Ferrari na comparação com a McLaren.

“Em algumas voltas tirei 1s da vantagem de Lando [Norris] ,e se me dissessem isso ontem, realmente não acreditaria. Eu me senti confortável no carro e ele deve ter sofrido no final. Não foi suficiente, mas estou feliz”, afirmou surpreso o espanhol. 

Fórmula 1 retorna já no próximo fim de semana, com o GP da Cidade do México, no autódromo Hermanos Rodríguez, para a 19ª etapa da temporada 2023.ATUALIZAÇÃO: Após o GP dos Estados Unidos, os carros de Charles Leclerc e Lewis Hamilton foram reprovados na inspeção técnica da FIA por irregularidades nas medidas da prancha do assoalho, sendo desclassificados por irregularidades. Com isso, Carlos Sainz herdou o pódio, enquanto a dupla da Williams, Alexander Albon e Logan Sargeant, entrou na zona de pontos.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Chamada Chefão GP Chamada Chefão GP 🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias da Fórmula 1 direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.