Leclerc diz que é “meta realista” colocar Ferrari atrás só de Red Bull e Mercedes em 2021

Animado com melhora obtida no início da temporada, Charles Leclerc projeta a Ferrari na briga para ser terceira força da Fórmula 1, apesar da disputa acirrada com equipes do meio do pelotão

Hamilton vence na estratégia e pega Verstappen: assista como foi o GP do Bahrein (Vídeo: GRANDE PRÊMIO com Reuters)

Apesar de a Ferrari garantir que o foco está no carro de 2022, com a implementação do novo regulamento técnico, Charles Leclerc se mostrou entusiasmado com a nítida melhora da SF21 e fez uma projeção otimista para a equipe italiana já para este ano: terminar o Mundial de Construtores da Fórmula 1 atrás apenas de Red Bull e Mercedes.

Ainda que enxergue a Ferrari distante dos dois times dominantes, além da disputa ferrenha com outras equipes pelo posto de terceira força do grid, Leclerc garantiu que é possível atingir tal objetivo. “Creio que uma meta realista para este ano é ficar atrás de Red Bull e Mercedes. Sinceramente, acredito que será bem difícil brigar com essas equipes. Estamos muito atrás agora, mas estamos na briga com quatro ou cinco equipes pelo terceiro lugar no Mundial de Construtores. Será uma disputa apertada, mas se fizermos tudo perfeitamente, acho que dá para alcançar”, afirmou o monegasco durante a entrevista coletiva precedente ao GP da Emília-Romanha, que inicia suas atividades em pista a partir desta sexta-feira (16).

Charles Leclerc durante o GP do Bahrein (Foto: Beto Issa)

O piloto aproveitou a oportunidade para comentar a respeito da evolução do carro e reforçar o objetivo de manter o desenvolvimento do modelo. “É um passo à frente, um significativo passo à frente. Conseguimos ver isso no Bahrein. Vimos que tivemos um progresso melhor comparado às outras equipes, em relação ao último ano, então é positivo”, seguiu.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

“Por outro lado, não estamos brigando onde desejávamos, então colocamos todos nossos esforços  para voltar ao patamar que gostaríamos estar, que é brigar por vitórias Se você comparar o último ano com este, fizemos um bom trabalho e temos de continuar assim. Foi uma melhora geral. A potência se saiu melhor, e o equilíbrio do carro nas curvas e a aderência melhoraram”, finalizou o monegasco.

O GRANDE PRÊMIO acompanha AO VIVO e em TEMPO REAL o fim de semana do GP da Emília-Romanha de Fórmula 1.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar