Chefe da Ferrari assume erro por abandono de Alonso no GP da Malásia: “Foi uma pena”

Stefano Domenicali assumiu a responsabilidade pelo abandono de Fernando Alonso na segunda etapa do Mundial de F1 em 2013 e justificou a estratégia de manter seu piloto na pista mesmo com a asa dianteira quebrada: “Assumimos um risco e acabou não dando certo”

As informações do GP da Malásia em tempo real
A classificação do Mundial de Pilotos
A classificação do Mundial de Construtores
As imagens deste domingo na Malásia

Stefano Domenicali chamou para si a responsabilidade pelo fim precoce da corrida de Fernando Alonso em Sepang, neste domingo (24). O chefe de equipe da Ferrari eximiu seu piloto de culpa e disse que o espanhol, que completou 200 GPs na Malásia, não pôde mensurar os danos em sua asa dianteira, que rompeu no fim da reta na segunda volta da prova. Entretanto, Domenicali entende que a performance exibida ao longo do fim de semana é um alento para a escuderia de Maranello visando a sequência da temporada.


Alonso ganhou a posição de Felipe Massa e assumiu a segunda colocação na largada, ficando só atrás de Sebastian Vettel. Mas o espanhol cometeu um pequeno erro que acabou tomando grandes dimensões ao tocar no carro do taurino, danificando assim a asa dianteira. Mas como a pista estava secando a cada minuto, a Ferrari decidiu manter Fernando na pista mesmo com a asa danificada, e isso acabou cobrando seu preço.
Domenicali chamou para si a responsabilidade pelo abandono de Alonso em Sepang (Foto: Getty Images)

Ao abrir a segunda volta, o aerofólio de Alonso entrou embaixo do seu carro, fazendo com que o piloto perdesse o controle da F138, passasse reto na curva 1 e ficasse parado na brita, encerrando seu 200º GP na carreira. Domenicali eximiu seu piloto de culpa e reconheceu que a falha foi da Ferrari.

O dirigente italiano falou à imprensa pouco depois do fim da corrida na Ásia. “Assumimos um risco e acabou não dando certo”, lamentou Domenicali. “Após o toque [de Alonso em Sebastian Vettel na primeira volta], a corrida não estava encerrada, e levei em conta a situação que havia uma transição de molhado para o seco.”

“Em condições normais, você viria [aos boxes], mas, nesta transição, se você acredita que a asa pode aguentar, você tenta e espera a hora certa. Você pode ter a chance de fazer um pit-stop para trocar para os pneus secos e ser o herói do fim de semana”, disse o dirigente, justificando a estratégia arriscada e que, no fim das contas, acabou se mostrando equivocada. “Infelizmente, a asa não aguentou”, resumiu.

“A decisão foi do pit-wall. Obviamente, Fernando pôde sentir isso no carro, mas ele não podia ter a dimensão do dano [na asa dianteira]. Assumimos a responsabilidade como equipe. O ‘beijo’ no carro de Vettel foi uma pena, porque poderíamos sair desta corrida com bons pontos”, continuou Domenicali. A Ferrari deixou Sepang apenas com os dez pontos somados por Massa, que terminou a prova em quinto.

Quanto a Fernando, que segue com 18 pontos no Mundial após duas etapas, Domenicali acredita que seu piloto dará a volta por cima nas próximas etapas da temporada. “Fernando não está feliz por sair zerado daqui, mas ele está otimista e olhando em frente porque ele sabe que nós temos algo para lutar”, encerrou.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube