Chefe da Ferrari exalta detalhe em bordô na SF21 como “retorno ao passado”

Assim como já fez no GP da Toscana de 2020, a Ferrari vai para 2021 com detalhes em bordô. A SF21 tem tons mais escuros na traseira, remetendo ao visto no primeiro carro de corrida da marca

A Ferrari apresentou a SF21 com esperança renovada (e o carro também): tudo revisado (GP Notícias)

O que mais chamou atenção na nova Ferrari SF21, lançada nesta quarta-feira (10), foi a presença de detalhes em verde. Só que um fã mais atento vai perceber a traseira em tom bordô, solução retrô que tem o aval do chefe Mattia Binotto.

De acordo com Binotto, o tom diferente na traseira remete à primeira Ferrari de corrida, lançada em 1947. A ideia já foi utilizada em 2020, quando o carro inteiro surgiu em bordô para o GP da Toscana, milésimo da montadora na Fórmula 1.

“A traseira relembra o vermelho bordô da primeira Ferrari de todas, a 125 S. Só que, conforme se aproxima da área do cockpit, a pintura se transforma no vermelho moderno, que usamos nos últimos anos”, destacou Binotto.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

F1 lança F1 TV Pro no Brasil e dá desconto de 25% em assinatura

Mattia Binotto destaca a história da Ferrari (Foto: Reprodução)

“A temporada nos traz muitos desafios e, com essa pintura, retornamos ao passado para nos direcionar ao futuro”, seguiu.

Os desafios citados por Binotto são consequência de um 2020 em que tudo deu errado. O motor se mostrou o pior do grid e colocou a Ferrari na inesperada condição de nem sequer pontuar em certos GPs. Charles Leclerc trouxe os melhores resultados, mas não a ponto de levar os italianos além do sexto lugar no Mundial de Construtores.

Para dar a volta por cima e quem sabe lutar por vitórias, a unidade de potência passou por mudanças profundas. O mesmo vale para a aerodinâmica, dado o bico reformulado da SF21.

Leclerc, com contrato até 2025, segue na Ferrari pelo terceiro ano seguido. Sebastian Vettel não teve o acordo renovado e teve de ceder a vaga para Carlos Sainz Jr.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube