Chefe da Mercedes vê Bottas “dando passos para trás” após abandono em Ímola

Chefe de equipe da Mercedes, Toto Wolff, criticou desempenho de Valtteri Bottas, mas não apontou culpados no acidente entre ele e George Russell, no GP da Emília-Romanha

A pancada entre Russell e Bottas após o piloto da Williams tocar a grama

Após o GP da Emília-Romanha, realizado no último domingo (18), Toto Wolff viu Valtteri Bottas, da sua Mercedes, e George Russell, a quem agencia, colidirem na pista, gerando bandeira vermelha na prova, discussões entre as partes e diversas alfinetadas via imprensa, além do abandono dupla na corrida.

O chefe da Mercedes não indicou um culpado no entrevero, ocorrido na curva Tamburello, mas aproveitou a situação para declarar sua insatisfação com o desempenho de Bottas: “Não sei ao certo quem foi o culpado no acidente, mas a corrida não foi boa para ele. Ele está dando passos para trás”, disse.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

F1; FÓRMULA 1; GP DA EMÍLIA-ROMANHA; VALTTERI BOTTAS; GEORGE RUSSELL;
George Russell foi tirar satisfação com Valtteri Bottas após forte acidente em Ímola (Foto: Reprodução)

Em seguida, opinou sobre o piloto da Williams: “A reação do Russell foi exagerada. Para mim foi um acidente de corrida, pois se olhar ambos pontos de vista, os dois estavam errados. Eu não sei o que dizer”, afirmou Wolff à Sky Sports italiana.

Vale lembrar que o desempenho de Bottas não agradava desde o sábado, quando nos treinos classificatórios o finlandês anotou apenas o oitavo melhor tempo da sessão. No comparativo, o finlandês ficou 0s487 abaixo de seu companheiro de Mercedes e pole-position da prova, Lewis Hamilton.

A respeito das críticas do chefe, Bottas se esquivou e preferiu não comentar o assunto que, segundo ele, deve ser tratado de forma interna. “O sentimento geral é de que não sou o culpado pelo acidente, com toda certeza. Não quero falar nada sobre minha discussão privada com o Toto. Mas o sentimento que carrego, definitivamente, é de que não posso ser culpado”, afirmou.

A próxima etapa da F1 é dentro de duas semanas, em 2 de maio. A categoria vai para Portimão, casa do GP de Portugal.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar