Chefe da Red Bull diz que “anomalias” na aerodinâmica do RB16 impedem progresso

A Red Bull, que tanto acertou na aerodinâmica ao longo dos anos, parece ter errado a mão com o RB16. O chefe Christian Horner vê problemas, mas ainda não sabe muito bem como corrigir

Por anos, o chassi foi o ponto forte da Red Bull, que recentemente tanto sofreu com motores pouco potentes. Em 2020, entretanto, a história é outra: a equipe ainda não conseguiu fazer o RB16 funcionar no mais alto nível, e muito por conta de problemas aerodinâmicos. De acordo com o chefe Christian Horner, o comportamento errático do bólido impede Max Verstappen e Alexander Albon de buscar resultados melhores.

“Nós temos algumas anomalias com um carro que não se comporta como esperávamos”, disse Horner em coletiva na Hungria. “Grande parte do nosso trabalho é entender isso e resolver nas próximas corridas. A recuperação dele [Verstappen, segundo colocado] foi muito forte, mas ainda vemos a Mercedes com muito ritmo”, seguiu.

“Acho que algo na aerodinâmica não está se comportando bem. É uma questão de entender e resolver isso. Em certas condições, o carro se comporta como esperado, e até conseguimos coletar bons dados nesse fim de semana. Claro, a equipe vai trabalhar pesado para entender e resolver isso o mais cedo possível”, continuou.

A Red Bull consegue pódios, mas ainda não incomoda a Mercedes (Foto: Red Bull Content Pool)

A Red Bull terminou a trinca de primeiros GPs de 2020 como segunda colocada no Mundial de Construtores. De quebra, com dois pódios. Só que o déficit para a Mercedes, que parecia cair em tempos recentes, voltou a crescer consideravelmente. Ainda há esperança de ser competitivo com o RB16, vide o segundo lugar de Verstappen e o quinto de Albon no Hungaroring, mas o panorama preocupa.

“Há uma diferença significativa, mas tudo depende de quanta performance conseguimos encontrar no RB16. Nós vemos os fundamentos de um carro decente, mas que não se comporta de acordo com o que nossas ferramentas de simulação apontam. É necessário entender isso e garantir que vamos alcançar nosso nível, algo que ainda não fizemos”, encerrou.

A Red Bull ganha agora duas semanas para entender melhor o RB16 antes do GP da Inglaterra. A corrida abre uma nova sequência de três GPs em três semanas.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube