Chefe da Red Bull revela irritação de Ricciardo após novo problema de motor: “Deu um soco na parede”

Christian Horner, o chefe da Red Bull, contou que Daniel Ricciardo chegou bastante irritado nos boxes após mais um abandono por conta de problemas no motor da Renault

Daniel Ricciardo fazia um bom fim de semana em Austin. Quarto colocado na largada, havia segurado Sebastian Vettel no começo do GP dos EUA deste domingo (21) e encarava a chance de ir ao pódio. Mais uma vez, no entanto, uma falha no motor Renault acabou com a prova de Ricciardo. Sobrou para a parede.
 
De acordo com o chefe da Red Bull, Christian Horner, Ricciardo deu um soco na parede quando chegou à garagem. No fim, tudo ainda mais amargo: o companheiro Max Verstappen, que largou no 13º lugar, conseguiu passar Valtteri Bottas e Lewis Hamilton e terminar no segundo lugar
 
"É uma pena para Daniel, eu sinto demais por ele. É idêntico ao que aconteceu no Bahrein, quando o motor simplesmente apagou e dá para notar no meio da curva. Ele estava guiando uma prova forte e estaria lá em cima [no final]. É frustrante demais para ele", afirmou.
Daniel Ricciardo (Foto: Beto Issa)

"Ele descontou a frustração colocando com um soco na parede, algo com que todo mundo consegue se relacionar", revelou.

 
De acordo com Horner, Ricciardo não culpou a Red Bull por mais esse problema no motor. Como está de partida exatamente para a equipe de fábrica da Renault na temporada que vem, a solução vai ser falar com os franceses.
 
"Tenho certeza que ele vai conversar com os futuros chefes sobre isso. É frustrante que continue perdendo corridas assim. Ele não culpa nossa equipe de maneira alguma, sabe que estamos fazendo o possível. É uma daqueles coisas que acontecem… Espero que tenhamos componentes o bastante para evitar que ele seja punido", avaliou.
 
"Os dois podem ir bem no México. Ganhamos lá no ano passado de forma bem dominante. A altitude pode mudar os motores e aproximá-los, e isso nos dá uma chance. Falta potência para nós, então essa oportunidade dá para a gente uma chance maior no sábado – dá para ver que nós temos um bom carro", encerrou.

GRANDE PRÊMIO cobre ‘in loco’ o GP dos Estados Unidos de F1 neste fim de semana com a repórter Evelyn Guimarães.



E o Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1 acontece este ano nos dias 9, 10 e 11 de novembro, no autódromo de Interlagos. Os ingressos para a corrida estão disponíveis no único site oficial do evento: www.gpbrasil.com.br.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube