F1

Chefe vê potencial em Gasly, mas admite que Red Bull vai “olhar mais” para experiente Verstappen

Chefe da Red Bull, Christian Horner admitiu que a equipe vai olhar mais para o experiente Max Verstappen em 2019. Dirigente destacou, no entanto, que Pierre Gasly tem potencial

Warm Up / Redação GP, de São Paulo
Christian Horner admitiu que a Red Bull vai “olhar mais” para Max Verstappen em 2019. Com a saída de Daniel Ricciardo e a chegada de Pierre Gasly, o holandês passa a ser o piloto mais experiente do time.
 
No entender dos rubro-taurinos, Ricciardo e Verstappen tinham tratamento igual no time, mas isso deve mudar com Gasly, já que o francês será o menos experiente do time.
Christian Horner admitiu foco em Max Verstappen em 2019 (Foto: Red Bull Content Pool)
“Max é agora o experiente. Então o time vai olhar mais para ele agora”, disse Horner à publicação holandesa ‘Formule 1’. “Pierre, claro, tem o potencial para se desenvolver e dificultar a vida de Max. Tomara que eles pressionem um ao outro e ajudem a tirar o melhor um do outro, assim como Max e Daniel fizeram”, seguiu.
 
Ainda, Horner reconheceu que ficou surpreso com a decisão de Ricciardo de deixar o time.
 
“Ainda estou surpreso, mas respeito que ele quisesse algo novo”, comentou. “Mas acho que ele já tinha tomado sua decisão. Se ele tomaria a mesma decisão agora? Eu não sei”, considerou.
 
“Mas ele fez sua escolha e nós estamos felizes com Pierre”, completou.