Com futuro incerto, Pérez diz que deixa F1 “com orgulho” caso fique sem vaga em 2021

Mexicano ainda não sabe se fica ou deixa a Fórmula 1, mas, qualquer que seja o veredito, tem irá para 2021 com orgulho da história que construiu

O que Sergio Pérez fará da vida na temporada 2021? Ninguém sabe ao certo o que será, mas todos sabem o que não será: guiar pela Aston Martin, já desbancado pela chegada de Sebastian Vettel. Com as vagas na Fórmula 1 rareando, o mexicano começa a lidar com a possibilidade de não estar no grid do ano que vem. Se for esse o caso, está satisfeito e com orgulho da carreira que construiu na F1.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Verstappen terminou a sexta-feira na Turquia como o mais rápido

Na F1 há dez anos, Pérez garante que vê sua história como algo próximo do máximo possível de atingir, ainda que tenha vivido uma grande decepção na passagem-relâmpago pela McLaren, em 2013.

“[Perder a vaga] é uma injustiça, mas é parte da F1. Sempre soube que era assim, mas posso me considerar privilegiado por ter tido uma grande carreira, com dez anos de F1 até agora. Se for o caso de deixar o esporte, posso ir embora com orgulho, porque fiz o que era possível com o material que tive nas mãos. Muitos não têm trajetória assim. Estou em paz comigo mesmo”, disse.

Uma década de F1 para Pérez (Foto: Racing Point)

Na temporada 2020, Pérez só não foi aos pontos nas duas corrida em que não participou por testar positivo para a Covid-19. Nas outras 11, esteve nos pontos. Mesmo com as duas provas de ausência, soma 82 pontos e o sexto lugar do Mundial de Construtores.

“Obviamente algumas coisas poderiam ter sido melhores, só nesta temporada eu devia ter dois pódios e muitos pontos mais. Perder duas corridas não é ideal num campeonato tão curto, mas, no geral, estou satisfeito, especialmente com o nível de consistência durante o ano”, finalizou.

Fórmula 1 volta a acelerar neste sábado em Istambul: primeiro, com o treino livre 3, a partir de 6h (de Brasília). E às 9h acontece a definição do grid de largada do GP da Turquia. O GRANDE PRÊMIO acompanha tudo AO VIVO e em TEMPO REAL.

Siga o GRANDE PRÊMIO nas redes sociais:
YouTube | Facebook | Twitter Instagram | Pinterest | Twitch | DailyMotion

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube