Com pagamentos pendentes, Silverstone corre risco de deixar calendário da F1 na temporada 2016

Devendo para a F1, Silverstone pode deixar o calendário do Mundial na temporada 2016. Pista inglesa conseguiu uma carta de crédito, mas Bernie Ecclestone teme que o banco retire a garantia

A F1 pode perder mais uma de suas tradicionais praças. Enquanto o GP da Itália, em Monza, segue ameaçado, Bernie Ecclestone admitiu que Silverstone também pode deixar o calendário do Mundial.
 
Responsável pelo traçado inglês, Patrick Allen admitiu nesta semana que já tem um ano de atraso no pagamento das taxas para receber a corrida e, por isso, não pode garantiu a realização do GP da Inglaterra em 2016.
Silverstone pode ficar fora do calendário de 2016 (Foto: Beto Issa)
 Falando a revista ‘Forbes’, Ecclestone afirmou que uma cláusula contratual permite que a corrida não seja realizada no próximo ano.
 
“Nós temos uma cláusula no nosso contrato onde podemos parar em 2016 e não sabemos se a corrida vai continuar no próximo ano”, disse Bernie. 
 
Com o atraso no pagamento, a única forma de Silverstone continuar no calendário é com a apresentação de uma carta de crédito à Ecclestone.
 
“O que me preocupa é que assim que o banco perceber que eles têm um problema, não vão continuar com essa carta de crédito”, comentou Bernie em entrevista ao jornalista Christian Sylt. “Nós temos uma carta de crédito, mas se isso vai continuar ou não, não sei”, concluiu.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube