Com poucas palavras, Vettel evita nova polêmica com Leclerc: “Pena para equipe”

Sebastian Vettel saiu com cara de pouquíssimos amigos em Interlagos, mas praticamente não falou sobre o novo incidente com Charles Leclerc que acabou com a corrida de ambos. O alemão preferiu focar no resultado que a Ferrari perdeu

O GP do Brasil deste domingo (17) foi absolutamente cheio de alternativas, mas um dos momentos mais marcantes foi, certamente, o incidente entre as Ferrari que gerou um safety-car decisivo para botar, por exemplo, Pierre Gasly no pódio. Apesar de bastante irritado com Charles Leclerc no rádio, Sebastian Vettel falou pouquíssimo, apenas lamentando o incidente pela Ferrari, que andava colada nos líderes.
 
O alemão explicou bem superficialmente o lance, mas sem culpar o companheiro monegasco, falando pouco, sem entrar em detalhes do que ocorreu.
 
"Não tive muito espaço na direita, mas tive, obviamente, um ritmo bem melhor saindo da curva 2 ou 3 e aí tentei passar, foi isso", disse à emissora britânica Sky Sports. 
Sebastian Vettel quase não falou depois da prova (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)

Com cara de poucos amigos e seguindo sem detalhar, apenas lamentou que a Ferrari saiu sem pontos.

 
"Uma pena para a equipe, não terminamos a corrida e a nossa prioridade era essa", completou.
 

O GRANDE PRÊMIO cobre in loco o GP do Brasil com os jornalistas Evelyn Guimarães, Felipe Noronha, Fernando Silva, Flavio Gomes, Gabriel Carvalho, Gabriel Curty e Pedro Henrique Marum, e o fotógrafo Rodrigo Berton. Acompanhe todo o noticiário aqui e tudo dos bastidores e das atividades em pista AO VIVO e em TEMPO REAL.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube