Com problema no miolo de Interlagos, Massa sai em oitavo no GP do Brasil. E bastante frustrado

Na tarde deste sábado (14) aconteceu a sessão classificatória para o GP do Brasil, e Felipe Massa, correndo em casa afirmou que não teve motivos para ficar satisfeito com o que apresentou na pista paulistana. O brasileiro, após fazer o tempo de 1min12s980, largará da oitava posição do grid

 Felipe Massa não teve um desempenho brilhante em Interlagos, e não ficou nada contente com isso. Na tarde deste sábado (14) aconteceu a classificação para o GP do Brasil e, com um tempo de 1min12s415, o titular da Williams largará da oitava colocação do grid.

Assim que os relógios começaram a rodar em Interlagos, o brasileiro não perdeu tempo para ir para a pista no Q1. Em sua primeira volta rápida, ele logo marcou 1min39s369, melhorando para 1min12s980, fechando em 10º e garantindo passagem para a segunda parte da sessão.

No início do Q2, o piloto do carro #19 mais uma vez logo foi para a pista. Assim que anotou sua marca, ele ocupou a quarta colocação com 1min13s781. Depois de chegar a ficar na zona de corte, ele conseguiu melhorar para ir até o Q3.

Massa, em seu primeiro giro cronometrado na última parte da classificação, fez um tempo 1s267 inferior ao do ponteiro Nico Rosberg e tomando a sétima posição. Para o final da sessão o piloto até tentou melhorar sua marca, mas largará do oitavo posto neste domingo.

Felipe Massa chegando em Interlagos (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio))"/>

Felipe Massa chegando em Interlagos (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)
O brasileiro não mostrou muita satisfação com seu resultado na pista, afirmando que um problema no segundo setor acabou atrapalhando seu desempenho na pista. “Não acho que é a mudança [da zebra] que está fazendo isso. Mudaram uma zebra, mas não é nessa curva o problema", explicou.

"Mas sim que o carro não tem grip nenhum e eu fico deslizando por toda a parte da pista – não no setor 2, mas pela pista inteira, e sem dúvida esse é o problema que venho tendo nesses dias. Na classificação, pelo problema que eu venho tendo durante todo o final de semana, era essa a posição que era para ter sido, na verdade. Vamos ver o que podemos fazer para amanhã, mas com certeza é frustrante”, completou.

 
Sobre o problema com Felipe Nasr, ele acredita que apesar do piloto ter atrapalhado, a informação que recebeu da Sauber era errada. “Eu estava na minha volta e ele não me viu, eu estava fazendo um mergulho e ele estava preparando a volta dele e não me viu, acabei tirando para o lado de fora da pista para não bater”, disse.
 
“Mas acredito que a informação que ele teve na equipe dele era errada e ele acabou se confundindo. Acabei passando no limite, mas tudo bem. No acerto não tenho mais o que fazer, com certeza é trabalhar na asa, nos pneus, tudo isso vai influenciar na corrida. Não acabou ainda, vamos rezar para estarmos competitivos amanhã”, completou.
 

O GRANDE PRÊMIO acompanha o GP do Brasil com grande cobertura 'in loco' com Flavio Gomes, Evelyn Guimarães, Fernando Silva e Rodrigo Berton. Acompanhe aqui.

(function(d, s, id) { var js, fjs = d.getElementsByTagName(s)[0]; if (d.getElementById(id)) return; js = d.createElement(s); js.id = id; js.src = “//connect.facebook.net/pt_BR/sdk.js#xfbml=1&version=v2.3”; fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs);}(document, ‘script’, ‘facebook-jssdk’));

Quer ganhar um super kit do GRANDE PRÊMIO no GP do Brasil de F1? Então participe do 'Traz mais um no GP'.É simples:…

Posted by Grande Prêmio on Quinta, 12 de novembro de 2015

PADDOCK GP COM FELIPE MASSA: ASSISTA JÁ

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube