Consultor da Red Bull nega rumores “completamente sem sentido” sobre Hülkenberg: “Gasly até me ligou”

Consultor da Red Bull, Helmut Marko negou os rumores de que a escuderia pretenda contratar Nico Hülkenberg para a vaga de Pierre Gasly. O dirigente contou que até mesmo recebeu uma ligação do francês por conta desses boatos “completamente sem sentido”

Helmut Marko classificou como “completamente sem sentido” os rumores sobre a contratação de Nico Hülkenberg para a temporada 2020 da Fórmula 1. O consultor da Red Bull revelou que até recebeu uma ligação de Pierre Gasly sobre a veracidade dos boatos.
 
Na última semana, alguns veículos de comunicação passaram a noticiar que Hülkenberg poderia substituir Gasly no time dos energéticos no próximo ano.
Helmut Marko negou que a Red Bull esteja interessada em Nico Hülkenberg (Foto: Red Bull)
Paddockast #20
Punições tardias, circuitos chatos… O que tem de acabar no esporte a motor?

“Esses rumores são tão absurdos que eu ou nós não queremos nem comentá-los mais”, disse Marko em entrevista à publicação alemã ‘Auto Bild’. “É completamente sem sentido. Foi isso que eu disse a Gasly, que até mesmo me ligou”, contou.
 
Ainda, Marko confirmou que a Red Bull perdeu o engenheiro Marco Adurno para a Ferrari.
 
“É verdade, mas é bem normal. Tem uma rotação constante de engenheiros neste nível entre nós, a Ferrari e outros times, então não vale a pena mencionar”, ponderou.
 
Por fim, o consultor reconheceu que a Red Bull considerou que a Ferrari tem boas chances de vencer a corrida deste fim de semana, no Canadá, mas reforçou que a hora da Red Bull também vai chegar.
 
“Em Montreal, a Ferrari tem uma chance por causa de seu motor forte”, ponderou. “Claro, vamos tentar de tudo, mas nossa hora vai chegar no mais tardar na corrida de Singapura, quando a Honda tiver sua mais recente atualização de moto e o nosso carro funcionar muito melhor com ela”, encerrou.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube