Ricciardo volta a sorrir e festeja 4º no grid em Spa: “Não está perfeito, mas estou feliz”

Daniel Ricciardo fez neste sábado sua melhor classificação com a McLaren e garantiu o quarto lugar no grid do GP da Bélgica. O australiano falou em evolução depois de um primeiro semestre difícil

O acidente de Lando Norris na classificação do GP da Bélgica de F1 (Vídeo: F1)

A performance de Daniel Ricciardo pode até ter passado à margem diante da jornada notável de George Russell neste sábado (28) de classificação em Spa-Francorchamps, mas o australiano também teve um dia muito positivo e conquistou o quarto lugar no grid de largada do GP da Bélgica. Com grande volta no fim do Q3, o piloto do carro #3 marcou 2min00s864, superou a Aston Martin de Sebastian Vettel e garantiu sua melhor performance em classificações com a McLaren. Um dia em que Daniel, enfim, voltou a sorrir na Fórmula 1.

Ricciardo conseguiu progredir pouco a pouco na tabela de tempos ao longo da sessão. No Q1, por exemplo, o oceânico foi 12º lugar. Depois, melhorou um pouco no Q2 e se garantiu na fase final da classificação com o nono melhor tempo do segmento. Na fase final, Ricciardo conseguiu aliar desempenho e confiança com os pneus intermediários em uma pista que secava a cada instante e garantiu um lugar na segunda fila do grid em Spa-Francorchamps.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Em Spa, Daniel Ricciardo fez sua melhor classificação com a McLaren (Foto: AFP)

No fim das contas, o que fica para o australiano é o sentimento de satisfação depois das dificuldades enfrentadas para se adaptar ao carro da McLaren ao longo de todo o primeiro semestre. O desenrolar da classificação mostra que os passos estão sendo dados um por vez.

VÍDEO
+Norris sofre forte acidente na subida da Eau Rouge na classificação do GP da Bélgica

“Acho que isso meio que mostrou que foram necessárias algumas voltas para encontrar essa confiança e que essas condições certamente recompensam alguma sensibilidade e elegância, mas também a confiança, no fim das contas”, explicou o piloto em entrevista ao site oficial da Fórmula 1.

“Então, no Q1, ainda estava um pouco fora do ritmo, mas melhorando. Ainda estava um pouco fora no Q2, mas dei um passo muito bom, e acho que dei outro passo no Q3. Então, não quero dizer que está perfeito, claro, mas estou muito feliz com o progresso e claro que aceito um lugar na segunda fila. Com essas condições loucas e tudo o mais, vou aceitar isso com um sorriso”, destacou o carismático piloto.

Questionado sobre a corrida e a chance enorme de uma prova com muita chuva, como aconteceu na classificação deste sábado, Ricciardo se mostrou preocupado e revelou que, se pudesse escolher, gostaria de correr no seco.

“A única coisa sobre correr no molhado é a visibilidade. Assim, na classificação, você pode criar um espaço em determinado ponto em que o spray não seja tão ruim, mas na corrida você tá lá no meio. E mesmo em quarto você praticamente não tem visibilidade alguma. Então, quero dizer que isso é a única coisa que torna a corrida no molhado menos divertida porque literalmente você não vê nada. Mas, em termos de competitividade, não sei”, salientou.

“Acho que temos um carro decente no seco, então eu não vou ser contra se o sol brilhar. Vamos ver o que vai ser. O que quer que eu pense ou espere não vai mudar o que vai acontecer. Tudo o que eu quero é um banho quente, não frio”, brincou o piloto.

Por fim, ao falar sobre a preocupação que toma conta da comunidade do esporte a motor sobre a curva Eau Rouge depois dos acidentes neste fim de semana, seja na W Series na sexta-feira, com Lando Norris na Fórmula 1 e entre Amaury Cordeel e Calan Williams neste sábado na Fórmula 3, Daniel disse que não se opõe a eventuais mudanças no setor.

“É uma curva extremamente divertida e icônica, mas quando alguma coisa dá errado é sempre um grande problema. Se isso não muda sua forma, mas se for para aumentar a segurança, que seja, concordamos com isso. Hoje foi um grande problema”, concluiu.

O GP da Bélgica está marcado para 10h (de Brasília, GMT-3) deste domingo, com transmissão AO VIVO e em TEMPO REAL no GRANDE PRÊMIO. Uma hora antes, o Briefing, programa ao vivo na GP TV, o canal do GRANDE PRÊMIO no YouTube, traz o pré-corrida com as últimas informações direto de Spa-Francorchamps.

VERSTAPPEN TIRA POLE DE RUSSELL, NORRIS BATE! A CLASSIFICAÇÃO DA F1 NA BÉLGICA | Briefing

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar