De saída para Ferrari, Sainz reflete que amadureceu na McLaren e agradece

Carlos Sainz Jr. deixa a McLaren como um piloto diferente do que chegou. O espanhol sente que amadureceu em uma campanha que rendeu o terceiro lugar no Mundial de Construtores

O ciclo de Carlos Sainz Jr. na McLaren chegou ao fim neste domingo (13). Em um GP de Abu Dhabi de virada contra a Racing Point para garantir o terceiro lugar no Mundial de Construtores, o sexto lugar do espanhol foi a cereja no bolo de uma história de amadurecimento antes da transferência para a Ferrari.

“Foi um resultado ótimo para a equipe em um ano difícil, mas que conseguimos superar”, disse Sainz, entrevistado pelo jornal espanhol Marca. “Foi uma corrida um pouco difícil hoje, tensa por conta do safety-car. Meus pneus não funcionaram do jeito que queríamos, eles ficaram se esfarelando. Eu cumpri o objetivo de passar a dupla da Ferrari e aí trouxe o carro para casa”, seguiu.

Mesmo com dificuldades, Sainz apostou as fichas na regularidade, sua aliada ao longo de 2020. O espanhol terminou as últimas seis corridas sempre nas seis primeiras posições. Contando também os esforços de Lando Norris, a dupla da McLaren tem sequência de seis GPs sempre dentro do top-8.

Carlos Sainz ajudou a McLaren a conseguir o terceiro lugar no Mundial (Foto: McLaren)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

“Amadureci como piloto e melhorei corrida após corrida em um ambiente que me apoiava por completo. Soube me cuidar como atleta para conseguir o melhor rendimento, mesmo que sob pressão. Preciso agradecer a todos na McLaren, mas principalmente o Zak Brown, que confiou em mim nesses anos incríveis. Prova disso foi essa série de corridas finais, sem erros ou abandonos, sempre dentro dos oito primeiros lugares”, encerrou.

Sainz assinou com a Ferrari antes mesmo da temporada 2020 começar. A equipe italiana decidiu não renovar com Sebastian Vettel, que encontrou refúgio na Aston Martin. O espanhol vai para Maranello com a dura missão de desbancar Charles Leclerc na disputa interna.

Nos dois anos pela McLaren, Sainz somou dois pódios e dois sextos lugares no Mundial de Pilotos. O espanhol derrotou Norris nas duas ocasiões.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube