“Encantado”, Verstappen comemora quarto lugar em “corrida mais completa do ano” e diz que equipe foi perfeita

As traiçoeiras condições climáticas de Austin, um problema para diversos pilotos, não afetaram Max Verstappen, que, em um dia “perfeito” conseguiu cruzar a linha de chegada em quarto lugar: “definitivamente o melhor que poderíamos ter hoje”

Max Verstappen conseguiu, uma vez mais, dar provas de seu potencial, apesar da pouca idade. No conturbado GP dos Estados Unidos, disputado neste domingo (25), o pupilo cresceu ao longo das voltas, chegando a um ótimo quarto lugar.
 
O resultado é uma repetição do que se viu no GP da Hungria, em que Max também foi quarto: uma prova conturbada, com diversos abandonos, e um piloto que conseguiu tirar proveito dos infortúnios alheios. A diferença é que, em Austin, o holandês conseguiu controlar as variáveis climáticas, um problema para muitos.
 
“Eu realmente gostei dessa corrida. Uma quarta posição é um ótimo resultado, definitivamente o melhor que poderíamos ter hoje, e estou muito, muito feliz. Aconteceram ótimas disputas na pista e eu diria que esta foi a corrida mais completa do ano, tudo aconteceu do jeito que devia: não cometi erros e a equipe foi perfeita na estratégia, fazendo as decisões corretas”, contou Max.
Verstappen conseguiu outro ótimo resultado em sua primeira temporada (Foto: Getty Images)
A pista, que não tardou em secar, foi um grande desafio para os pilotos. Alguns – caso de Felipe Nasr – optaram por parar muito cedo, decisão que se mostrou errada. Max, por sua vez, ficou com os pneus intermediários o maior tempo possível.
 
“Foi difícil saber quando fazer as trocas para pneus slick, já que você nunca quer ser apressado e perder tempo. Você apenas espera e vê se alguém fez isso. Quando ouvi no rádio que outro carros estava com slicks e não estava indo mal, eu disse ‘OK, agora nós vamos’”, continuou.
 
Já com pneus macios, Verstappen focou no controle do desgaste da borracha. Apesar de se envolver em um bom número de disputas, o estreante conseguiu economizar seus Pirellis até o fim.
 
“Uma vez que estive com macios, não arrisquei muito, já que sabia que precisava cuidar dos pneus, e conseguimos terminar com solidez. Estou encantado com o dia de hoje e gostaria de agradecer à equipe pelo esforço nesse fim de semana”, finalizou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube