Ocon vê evolução em Ímola, mas diz que Alpine ainda “não chegou onde queria”

Esteban Ocon finalmente conseguiu pontuar na temporada 2021 da Fórmula 1, com um bom resultado em Ímola. Apesar disso, o francês quer mais evolução do carro, pois ainda está longe do esperado

F1 divulgou imagens da câmera 360ºC do carro de George Russell em forte acidente que envolveu Valtteri Bottas em Ímola (Vídeo: F1/Divulgação)

A Alpine conseguiu colocar os dois pilotos na zona de pontuação do GP da Emília-Romanha. Esteban Ocon foi o 9º colocado, seguido por Fernando Alonso, após ambos ganharem uma posição cada com a punição de Kimi Räikkönen. Para o piloto francês, a equipe evoluiu, sim, mas ainda não atingiu o patamar adequado para o restante da temporada.

Depois do desempenho discreto no Bahrein, etapa que abriu a temporada, o time evoluiu em Ímola e mostrou sinais de que pode brigar por posições no meio do pelotão. Ocon acredita que a Alpine pode muito mais.

“Eu acho que garantimos nosso lugar no top-10, isso é claro. A corrida não foi suave, como o resto do fim de semana. Acredito que tínhamos potencial para 7º ou 8º lugares, o ritmo de corrida no seco era sólido”, afirmou o francês.

Esteban Ocon conseguiu os primeiros pontos na temporada em Ímola (Foto: Alpine)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

“Nós fomos mais velozes que a Alfa Romeo na corrida. Não estamos exatamente onde queríamos, mas demos um passo adiante neste fim de semana com alguns avanços e nos sentimos bem com o carro. É, queremos mais pontos na próxima corrida”, completou.

Com o resultado, Ocon chegou a 2 pontos no campeonato e está em 12º lugar, uma posição na frente de Fernando Alonso. No Mundial de Construtores, a Alpine é a sétima colcoada, com 3 pontos conquistados até o momento.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube