FIA falha e abre precedente perigoso com omissão de imagens de Verstappen em SP

FIA precisa agradecer Lewis Hamilton de joelhos por vencer o GP de São Paulo e evitar maiores discussões sobre incidente com Max Verstappen. Ausência de câmera on-board em investigação é erro grave e que colocou campeonato em risco

VERSTAPPEN JOGOU CARRO SOBRE HAMILTON EM SP E MERECE PUNIÇÃO?

A atuação espetacular de Lewis Hamilton no GP de São Paulo ajudou a reduzir muitas discussões extensas e cansativas sobre punições. O heptacampeão salvou a Fórmula 1 com sua performance incrível em Interlagos, levantando o público, rendendo aplausos e agitando o campeonato. A vitória de Hamilton no Brasil foi necessária para apaziguar um erro da própria FIA.

Na volta 48 da disputa em Interlagos, Hamilton e Max Verstappen voltaram a passar por um momento controverso. Depois de choques diretos em Silverstone e Monza, Lewis utilizou o lado de fora no fim da reta oposta para tentar a ultrapassagem da vitória sobre o holandês, que não facilitou. Ele seguiu uma linha diferente, forçou o adversário e fez os dois saírem da pista, passando pela área de escape.

Um novo ataque de Lewis veio voltas depois e rendeu a vitória, já com a direção de prova afirmando que não abriria investigação sobre o ocorrido de giros anteriores. A Mercedes protestou contra a decisão, e aí veio a surpresa: Michael Masi, diretor de provas da Fórmula 1, afirmou que não tinha a câmera on-board de Verstappen disponível. As imagens posteriormente foram removidas da F1TV.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Todos os ângulos da polêmica disputa entre Max Verstappen e Lewis Hamilton no Brasil (Vídeo: Fórmula 1)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Afinal, como o órgão que gere as corridas e toma decisões importantíssimas para manter as coisas dentro do controle na pista simplesmente não tinha imagens disponíveis? Não era uma simples disputa entre Nikita Mazepin e Mick Schumacher pelo 19º (e já seria um completo absurdo não ter filmagem disso), são os dois principais pilotos do campeonato em uma disputa que vale o título.

Hamilton manteve o bom ritmo e ainda alcançou a vitória, mas e se isso não acontecesse? O momento que rendeu polêmica não ocasionou nenhum acidente, mas Verstappen forçou outro piloto para fora da pista, tal como Sergio Pérez fez com Charles Leclerc no Red Bull Ring, que foi punido. Como a FIA lidaria com uma vitória de Max em um contexto em que deveria sofrer uma punição? Ou Pérez foi injustiçado na Áustria?

Se Verstappen faturasse a prova no Brasil, a vantagem para Hamilton seria de 28 pontos, praticamente encaminhando o título e aumentando a possibilidade de fechar o campeonato antes mesmo do final da temporada, em Abu Dhabi. Ao abrir este precedente com a omissão das imagens, correu um risco enorme de interferir em qualquer chance de Lewis levantar a oitava taça.

A FIA deu muita sorte com a vitória de Hamilton, porque isso vai reduzir demais o número de discussões sobre o ocorrido em Interlagos. Verstappen não precisa disso para ser campeão, e que a direção de prova aprenda com o erro para que não se repita e corra o risco de estragar grandes brigas no futuro.

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar