F1

Force India enfim confirma Stroll como substituto de Ocon para formar dupla com Pérez em 2019

A Force India enfim confirmou o segundo piloto da equipe para 2019. Nesta sexta-feira (30), a equipe anunciou Lance Stroll para o próximo ano, com o canadense fazendo par com Sergio Pérez
Warm Up / GABRIEL CURTY, de São Paulo / NATHALIA DE VIVO, de São Paulo
 Lance Stroll (Foto: Force India)
Lance Stroll enfim está confirmado na Force India para a temporada 2019. Nesta sexta-feira (30), a equipe finalmente fez o anuncio oficial do fechamento de contrato com o canadense, que vai ser companheiro de Sergio Pérez.
 
Não foi nenhuma surpresa a confirmação da equipe. Inclusive, o piloto já havia até mesmo participado dos testes pós-temporada, que aconteceram nesta semana em Abu Dhabi, com as cores da escuderia.
O anúncio da Force India era o que faltava para, enfim, fechar o grid da temporada 2019 da F1. Esteban Ocon, que foi preterido por Lance, assinou com a Mercedes para ser piloto reserva no próximo campeonato.
 
Mesmo com poucas palavras, Stroll não escondeu a satisfação em começar uma nova trilha na categoria. "É o começo de uma jornada incrivelmente animadora da minha carreira na F1. Estou ansioso para trabalhar com essa equipe de tanto sucesso. É um novo desafio, estou animado para agarrar essa oportunidade", disse o piloto.

O chefe do time, Otmar Szafnauer, também expressou sua felicidade com a chegada do piloto. "Estou feliz que pudemos finalmente confirmar Lance chegando para correr com Sergio ano que vem. Vai nos dar a escalação perfeita mesclando juventude, talento e experiência. Lance só tem 20 anos e já tem dois anos de F1, assim como um pódio e uma largada da primeira fila", apontou.
Lance Stroll vai entrar no lugar de Esteban Ocon em 2019 na Force India (Foto: Force India)
"Vemos muito potencial nele e achamos que o nosso ambiente pode desenvolvê-lo. Nossa equipe tem a tradição de desenvolver jovens, estamos felizes com Lance. Queria agradecer também o Esteban pela contribuição nesses dois anos e torcemos para que tenha sucesso", comentou.

Na temporada 2018, Stroll, defendendo a Williams, terminou na 18ª colocação da classificação com seis pontos conquistados. Com dois abandonos ao longo do ano, teve uma oitava colocação no Azerbaijão como melhor resultado.

O acordo entre as duas partes já era óbvio, pois Lawrence Stroll, pai de Lance, é agora dono da equipe. A dupla já estava desenhada desde que Lawrence e seus parceiros venceram a concorrência e tiraram o time da falência, voltando com o nome de Racing Point Force India. Pérez também já estava praticamente garantido por ter movido a ação e salvado o time.