Gasly prevê “mini-Indy 500” com corrida da Fórmula 1 no anel externo do Bahrein

Pierre Gasly aposta que o vácuo e a alta velocidade vão tornar o GP de Sakhir como uma "mini-Indy 500". Prova acontece no dia 6 de dezembro, no Bahrein

Pierre Gasly entra com confiança alta para a rodada dupla da Fórmula 1 no Bahrein. Foi em Sakhir que o francês conquistou seu primeiro resultado relevante na Fórmula 1 em 2018, quando levou a Toro Rosso ao quarto lugar.

Ao site da AlphaTauri, o piloto francês destacou as características da pista, que apareceu na Fórmula 1 pela primeira vez em 2004.

“A pista do Bahrein em si, pelo menos a que já corremos, tem algumas boas retas, o que é bom para ultrapassagem, além do fato de ser bem larga. Existem algumas curvas interessantes e ela é bem técnica”, disse Gasly, vencedor do GP da Itália deste ano.

Na semana seguinte, a F1 permanece no Bahrein, mas agora em um traçado novo, utilizando do anel externo do circuito. Pierre comentou sobre a experiência, que em sua visão, será parecida com as 500 Milhas de Indianápolis, mas em formato reduzido.

F1; FÓRMULA 1; GP DE SAKHIR; BAHREIN; ANEL EXTERNO;
A Fórmula 1 confirmou que vai correr no anel externo do circuito do Bahrein para o GP de Sakhir em dezembro (Arte: F1)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

“Na nossa segunda corrida, é um formato diferente. Algo completamente fora do normal, já que a pista é quase um oval. São apenas quatro curvas, então será um jogo de vácuo, como uma versão de miniatura da Indy 500. Dei algumas voltas no simulador e o tempo de volta é menos de um minuto, lidar com tráfego não será fácil”, completou.

Com 63 pontos, Gasly é o 10º no campeonato de 2020 da Fórmula 1. O GP de Bahrein acontece no dia 29 de dezembro, enquanto o GP de Sakhir, no anel externo, acontece em 6 de dezembro.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube