Russell elogia Hamilton em disputa e fala em “sentimentos mistos” com 5º lugar em Miami

George Russell saiu de 12º no grid para quinto, mas não ficou 100% satisfeito em Miami. É que o piloto entende que a Mercedes mostrou, na sexta-feira, que tinha potencial para bem mais

George Russell ganhou sete posições em relação à largada, mas isso não significa que tenha ficado feliz com o que atingiu em Miami. Neste domingo (8), o inglês saiu de 12º no grid, caiu para 15º na primeira volta, mas, mais uma vez beneficiado por um safety-car, fechou em quinto, passando Lewis Hamilton no fim, aproveitando os pneus mais novos e médios, contra os duros e gastos do companheiro.

Só que, para Russell, o resultado não foi tão bom assim. É que, mesmo largando em péssima posição, a Mercedes tinha tido uma sexta-feira muito forte. Assim, a quinta posição fica mais ou menos no meio do caminho entre a boa sexta e o fraco sábado.

“Sentimentos mistos aqui, honestamente, porque a gente saiu de um lugar muito ruim, parece um bom resultado, mas, se me falassem na sexta-feora que a gente seria quinto e sexto, muito longe do primeiro, ficaria decepcionado. Temos um carro rápido, precisamos destravar o potencial dele”, disse.

George Russell fez corrida de recuperação em Miami (Foto: Williams)

Para George, a classificação foi impossível, já que estava flertando com um acidente pelo excesso de quiques do W13. O inglês ainda destacou a briga justa com Lewis Hamilton, que valeu a quinta colocação.

“O carro parecia outra coisa em relação ao que era na sexta-feira, o vento mudou, as condições e aí voltamos a quicar muito de novo. Foi um dia de sobrevivência ontem, se eu acelero mais eu bato. Hoje não foi tão ruim assim. Quando você está disputando com companheiro de equipe, precisa dar mais espaço que o normal, ter mais respeito, mas eu gostei. Eu e Hamilton nos respeitamos muito, ele teve azar com pneus mais velhos”, completou.

Russell vem em quarto no Mundial de Pilotos, apesar das limitações da Mercedes. O inglês tem 59 pontos, 23 a mais que Hamilton.

A Fórmula 1 volta dentro de duas semanas, com o GP da Espanha. Na sequência, em esquema de dobradinha, a categoria vai para as ruas de Mônaco.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar