Russell vibra com top-3 no grid em “loucura” na Rússia e avisa: “Não temos nada a perder”

George Russell largou em segundo lugar no GP da Bélgica e, graças ao acerto da Williams e também à sua pilotagem em pista úmida, voltou a brilhar em um sábado na F1. O britânico vai largar em 3º no GP da Rússia

NORRIS É POLE NA F1! TUDO SOBRE A CLASSIFICAÇÃO E O GRID DE LARGADA DO GP DA RÚSSIA | Briefing

A estrela de George Russell brilhou novamente na Fórmula 1. Neste sábado (25) caótico e marcado pelo chove-para em Sóchi, palco do GP da Rússia, o piloto da Williams contou com o acerto da equipe na hora de trocar os pneus intermediários pelos slicks no asfalto ainda úmido do Parque Olímpico e conseguiu surpreender de novo ao marcar o terceiro melhor tempo da classificação.

Russell vai largar neste domingo só atrás da McLaren do grande nome do dia, Lando Norris, e da Ferrari de Carlos Sainz. George vai dividir a segunda fila do grid na Rússia com seu futuro companheiro de equipe na Mercedes, Lewis Hamilton.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

GEORGE RUSSELL; FÓRMULA 1; F1; GP DA RÚSSIA; SÁBADO; CLASSIFICAÇÃO;
George Russell teve desempenho notável neste sábado na Rússia (Foto: Williams)

O prodígio de 21 anos conseguiu passar para o Q3 nos segundos finais do segundo segmento da classificação. No início da fase final da definição do grid de largada, o piloto pediu pelo rádio para a Williams preparar os pneus slicks. Russell foi o primeiro a fazer a troca e, por isso, teve mais tempo de pista para encontrar a melhor performance e buscar tempo.

É a segunda vez nas últimas etapas que Russell vai largar entre os três primeiros. Na Bélgica, George brilhou com uma volta notável em Spa-Francorchamps, só foi superado por Max Verstappen e obteve o segundo lugar no grid. Em razão da não-corrida que foi no domingo, a posição na ordem de largada lhe valeu a conquista do seu melhor resultado na F1.

George sorriu com outro feito inacreditável e digno de nota neste seu melhor ano na Fórmula 1. “É uma loucura! Quer dizer, é a segunda vez no top-3 em três ou quatro etapas”.

O piloto creditou grande parte do que conquistou neste sábado ao momento em que a Williams o chamou para trocar os pneus. “A equipe fez um trabalho incrível mais uma vez ao colocar os pneus certos na hora certa. Foi complicado lá na pista. Havia uma seca, e se alargasse essa linha em apenas alguns centímetros, ficaria no úmido e escaparia”, explicou.

Russell parabenizou o compatriota, Lando Norris, e também Carlos Sainz, e deixou claro que vai lutar para buscar algo grande neste domingo. “Estou muito ansioso para amanhã. Nosso ritmo de corrida ontem foi bom. Não temos nada a perder”, concluiu.

Lewis Hamilton manda um Cantando na Chuva em Sóchi (Vídeo: Mercedes)

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar