GP às 10: Fracasso em Mônaco é gostinho esperado de fiasco da Mercedes em 2021

É evidente que a Mercedes é forte, mas o Mônaco foi miragem para saciar os que esperavam uma equipe decadente em 2021, diz Flavio Gomes

Verstappen assume liderança da F1 após vitória: assista aos melhores momentos do GP de Mônaco (GRANDE PRÊMIO com Reuters)

O resultado que apareceu em Monte Carlo foi um pequeno gosto da decadência da Mercedes que alguns esperavam para o campeonato 2021 do Mundial de Fórmula 1. É evidente que esse ano de fracasso ou decadência não chegou e não vai chegar. A Mercedes é forte e venceu três das cinco corridas, mas Mônaco foi a miragem que esperavam aqueles que achavam que a Red Bull nadaria de braçada. É a análise de Flavio Gomes no GP às 10.

É evidente que a Mercedes vai brigar pelo título até o fim e que já contava com o insucesso em Mônaco. Não é estranho que o carro seja tão forte em praticamente todas as pistas e ruim no Principado, num traçado de características tão singulares. Ser fraco em Mônaco é algo que pode ficar apenas em Mônaco, sem sequelas para quaisquer outras pistas.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!
Diretor da F1 reitera luta por título e vê Hamilton “sem prática com frustrações”

Assim, mesmo que o GP tenha deixado a desejar, ficam os importantes feitos marcados nele. A liderança da Red Bull no Mundial de Construtores e de Max Verstappen no de Pilotos – a primeira vez na história que um piloto holandês lidera o Mundial de Pilotos. Além disso, uma Ferrari forte, que fez a pole, o segundo lugar e só não brigou por vitória porque o carro de Charles Leclerc resolveu quebrar antes mesmo da largada.

Por fim, Gomes destaca duas figuras que morreram nos últimos dias. André Ribeiro, piloto brasileiro com vitórias na Indy nos anos 1990 e que abandonou a carreira cedo, e Max Mosley, figura controversa, ex-presidente da FIA e dono de equipe na F1.

Assista, curta e compartilhe o GP às 10 de hoje:

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar