GP às 10: Frustrado com crise da Williams, Kubica dá indícios de que pode deixar temporada antes do fim

Robert Kubica expressou sua frustração com a falta de perspectiva de melhora da Williams no último GP da China, deixando evidente até seu desespero com a inércia sobre a evolução do carro: "Já tentei de tudo". Para Fernando Silva, são sinais de que o polonês pode deixar a temporada da Fórmula 1 antes do fim

A cada fim de semana de corrida, Robert Kubica mostra que sua paciência com a Williams está perto do fim. No domingo (14) do GP da China, o milésimo da história da Fórmula 1, o polonês revelou que o momento mais empolgante da corrida foi antes mesmo da largada, quando rodou na volta de apresentação. Depois, falou sobre a falta de aderência do FW42 e da sua falta de competitividade para terminar sua entrevista emitindo o tamanho da sua insatisfação: “Sinto que não posso fazer nada, eu já tentei de tudo”.
 
No seu GP às 10 desta manhã de terça-feira, Fernando Silva analisa nas entrelinhas as últimas declarações de Kubica como sinais, fortes sinais, de que o polonês pode até mesmo deixar a temporada 2019 da Fórmula 1 antes do seu desfecho.
 

O GP às 10 é a série que traz um comentário em vídeo dos jornalistas do GRANDE PRÊMIO, sempre às 10h (de Brasília), do dia e da noite. Veja aqui todas as edições do GP às 10.

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar