GP às 10: McLaren vem forte, mas Aston Martin é favorita ao 3º lugar

O que será da McLaren, primeira equipe a apresentar o novo carro, na temporada 2021? Flavio Gomes crê que a escuderia inglesa vem forte, mas não tanto quanto a Aston Martin

A primeira equipe a apresentar o carro para a temporada 2021 foi a McLaren. O novo MCL35M terá Daniel Ricciardo ao volante e motores Mercedes. O pacote é bom, mas vem forte o suficiente para superar a Aston Martin, nova rival na disputa pela terceira vaga no Mundial de Fórmula 1? É a resposta que o público quer saber.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Após dois anos de saltos importantes para a McLaren, que já não se vê mais na situação de crise que viveu durante anos, as mudanças de protagonistas do time – Carlos Sainz e o motor Renault – deixam enorme interrogação para o time inglês quanto ao que pode mostrar de resultado final. Mas que a equipe está no caminho que buscava há anos e vem forte, não resta dúvida.

Neste GP às 10, Flavio Gomes avalia a falta de mudanças estética e faz uma comparação da equipe laranja com a rival, agora verde. A Aston Martin começa em ritmo frenético de palavras e intenções. Quanto à Ferrari, um mistério.

A equipe espera manter a boa fase e até mesmo evoluir, mas está cautelosa sobre a mudança para os motores Mercedes (Foto: McLaren)

O jornalista ainda comenta a confirmação de que a Red Bull passará, no triênio 2022-24, a fabricar os próprios modelos do motor Honda que utiliza até o fim deste ano.

Assista já ao GP às 10 desta terça-feira e opine: até onde a McLaren vai chegar em 2021? A Aston Martin será mais forte?

Siga o GRANDE PRÊMIO nas redes sociais:
YouTube | Facebook | Twitter Instagram | Pinterest | Twitch | DailyMotion

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube