Hamilton brinca com troféu por controle-remoto: “Preferia que tivessem jogado em mim”

Uma das novidades no GP da Estíria foi a entrega dos troféus no pódio por uma plataforma acionada por controle-remoto. Lewis Hamilton, o vencedor, achou bem estranho

A insólita cena de uma plataforma acionada por controle-remoto levando os troféus aos presentes no pódio do GP da Estíria, no último domingo (12), não agradou a todos, apesar de parecer uma solução simpática à questão do distanciamento social.

Lewis Hamilton, que venceu de forma inconteste a prova, ficou levemente incomodado com a novidade tecnológica: “Achei estranho. Preferia que tivessem jogado o troféu em mim”, brincou.

“São tempos muito, muito estranhos. Quando você está em sua zona de trabalho tudo parece normal, enquanto piloto. Mas, ao final, quando você sai do carro não há atmosfera, você sente falta dos fãs, isso mostra quanta diferença os fãs fazem.”

Lewis Hamilton protestou contra o racismo com o punho cerrado no pódio

“Senti falta disso no pódio, porque você usualmente divide tal momento com quem te segue, até com quem não, e não tivemos isso. As caixas chegando com os troféus foi algo estranho, definitivamente estranho, já que no meu ponto de vista todos aqui foram testados e estão usando luvas e tudo mais”, completou o hexacampeão.

Com ou sem caixas entregando troféus, Hamilton busca sua segunda vitória na “estranha” temporada 2020 já no próximo final de semana, no GP da Hungria.

Paddockast #69 | Papo com Felipe Drugovich
Ouça também: PODCASTS APPLE | ANDROID | PLAYERFM

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube