Hamilton e Alonso celebram retorno de “muito talentoso” Kubica à F1 após “momentos difíceis”

Lewis Hamilton e Fernando Alonso acreditam que Robert Kubica tem talento para merecer uma nova chance na F1. A dupla de campeões mundiais acredita que a categoria só tem a ganhar com o polonês, confirmado pela Williams

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

O anúncio do retorno de Robert Kubica ao grid da F1, realizado pela Williams nesta quinta-feira (22), foi muito bem recebido por dois campeões mundiais. Lewis Hamilton e Fernando Alonso, que competiram com o polonês em sua primeira passagem pela categoria, veem um piloto “dos mais talentosos” voltando ao lugar em que merece estar.
 
“Eu fico feliz porque ele vai ser o segundo mais velho [do grid]. O Fernando [Alonso] está indo embora e eu ia ser o segundo, mas agora vou continuar como o terceiro”, brincou Hamilton. “Mas é ótimo que ele esteja de volta. Corri contra ele no kart e já o conheço há muitos anos. Ele sempre foi um dos mais talentosos contra quem eu já competi. Sei que ele passou por momentos muito difíceis nos últimos anos e é incrível que ele tenha uma oportunidade. Espero que ele possa trabalhar sua força. É bom para o esporte que ele esteja de novo na ativa”, continuou.
 
O “momento difícil” citado por Hamilton foi o acidente de rali em 2011, que quase custou a vida de Kubica. O polonês sofreu graves lesões no braço e na mão direita, forçando o afastamento imediato da F1 durante a pré-temporada. Após anos de lenta recuperação, Robert voltou a aparecer no radar como reserva da Williams em 2018, antes de assinar como titular para 2019.
Robert Kubica vira titular da Williams após um ano como reserva (Foto: AFP)
“Não tenho muito que acrescentar ao que o Lewis [Hamilton] disse”, continuou Alonso. “É um piloto muito talentoso, um dos maiores desse esporte e é ótimo vê-lo outra vez nas corridas. Ainda precisamos ver seu rendimento no carro porque só o vimos em treinos, mas vai ser incrível acompanhar se ele estiver 100%. Fico muito feliz por ele”, afirmou.
 
George Russell, o outro piloto assinado pela Williams para 2019, ainda não teve a chance de correr contra Kubica. Mesmo assim, o trabalho do polonês nos bastidores bastou para causar uma boa impressão.
 
“Fico muito ansioso por ser companheiro de equipe dele. Fernando e Lewis já falaram sobre como ele é rápido e eu não tenho dúvida disso. Ele também é muito inteligente e tem muita experiência. Vai ser uma grande adição para ajudar a Williams a voltar ao lugar em que deveria estar”, encerrou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube