Hamilton exalta “trabalho excepcional” de Bottas e valoriza 1-2 de Mercedes “melhor em ritmo de corrida” em Baku

Lewis Hamilton aprovou o segundo lugar no grid do GP do Azerbaijão. O pentacampeão pensou no resultado da Mercedes, que desbancou uma favorita Ferrari e exaltou a performance do companheiro e pole Valtteri Bottas

Lewis Hamilton parecia com a pole na mão em Baku neste sábado (27). Com Charles Leclerc batendo, Sebastian Vettel decepcionando em sua última volta e Max Verstappen nos boxes, restava apenas Valtteri Bottas. E o finlandês achou uma grande volta, cravando 1mn40s495 e ficando com a posição de honra no grid do GP do Azerbaijão de F1. Restou a Hamilton se contentar com o segundo posto, 0s059 atrás do parceiro.
 
O inglês destacou o desempenho de Bottas na última volta e, principalmente, a performance da Mercedes, que superou uma Ferrari que tinha novidades no carro em Baku. Aliás, a pole foi ainda mais surpreendente porque era Hamilton quem vinha atrás e, teoricamente, tinha o vácuo do companheiro.
 
"O final de semana todo está sendo bem apertado. A Ferrari parecia incrivelmente rápida e o Valtteri fez um trabalho excepcional. Foi um resultado muito bom para nós. Nós chegamos aqui sem melhorias no pacote e a Ferrari parecia bem rápida, assim como o Max. Estou bem satisfeito com a dobradinha no grid nessas condições e estamos em boa posição para brigar amanhã", disse.
Lewis Hamilton larga em segundo (Foto: AFP)

Hamilton ainda afirmou que vê a Mercedes mais forte de corrida que de classificação no Azerbaijão e tornou a valorizar o 1-2 no grid.

 
"A gente parecia mais forte em ritmo de corrida que em classificação aqui. O Valtteri é sempre rápido em Baku e precisarei trabalhar para buscar", completou.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar