Hamilton recorda problemas nos treinos e fica grato por 3º lugar no grid em Spa

Lewis Hamilton teve problemas no motor e um acidente ao longo dos treinos livres de Spa-Francorchamps. Os contratempos deixam o britânico grato por ao menos acompanhar a Ferrari e garantir uma segunda fila

Lewis Hamilton teve treinos livres difíceis na Bélgica. Um dia após ser pego de surpresa por uma falha no motor durante o TL1, o sábado (31) começou com um acidente de grandes danos no TL3. Mesmo assim, o britânico não deixou a peteca cair e salvou um terceiro lugar no grid de largada do GP da Bélgica, motivo de sobra para ficar satisfeito.
 
“Considerando que eu perdi a maior parte do TL3 e muito do TL1, fico muito grato por estar aqui [entre os três primeiros]”, disse Hamilton. “A Ferrari fez um grande trabalho hoje, o Charles [Leclerc] fez um trabalho excepcional. Espero que a gente consiga lutar contra eles amanhã”, seguiu.
 
O acidente do TL3, que destruiu a dianteira do carro #44, gerou pânico. Havia o risco até mesmo de Lewis não conseguir disputar a classificação, dado o tempo apertado para consertar tudo no bólido. O trabalho da Mercedes, entretanto, foi ágil e se concluiu ainda nos minutos iniciais do Q1. A bandeira vermelha causada pelo estouro de motor de Robert Kubica só ajudou a dar mais tempo e garantir maior folga nos ajustes finais.
Lewis Hamilton larga em terceiro no GP da Bélgica, motivo de celebração (Foto: AFP)

O terceiro lugar é motivo de comemoração, mas com o porém de que Leclerc foi por volta de 0s8 melhor que Hamilton. O britânico talvez precise de intervenção climática para recuperar terreno.

 
“Independente do clima, vou dar meu melhor e, tomara, entregar uma boa corrida para o pessoal”, afirmou.
 
O GP da Bélgica, 13º da temporada 2019 da F1, marca o retorno da categoria após as férias de agosto. Hamilton lidera o Mundial com folga e caminha rumo ao hexacampeonato.


 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube