Hamilton revela que “posições nunca se alinharam” para ser piloto da Ferrari

Por que Lewis Hamilton na Ferrari nunca aconteceu? Segundo o heptacampeão, o timing para a assinatura nunca existiu. Piloto também ressaltou a importância da liberdade que tem dentro da Mercedes

A parceria de Lewis Hamilton com a Mercedes é a de maior sucesso entre piloto e equipe na história da Fórmula 1. No time desde 2013, foram seis títulos mundiais até aqui, que coroaram Hamilton como o maior da categoria. O heptacampeão, porém, explicou os motivos de nunca ter fechado com a Ferrari.

A Scuderia é a mais tradicional da história da Fórmula 1, com mais de 1.000 GPs disputados na Fórmula 1 e, mesmo contratado pela Mercedes, Hamilton aparece nas redes sociais dirigindo carros esportivos da marca do Cavallino Rampante. Em entrevista ao jornal italiano La Gazzetta dello Sport, o inglês explicou que o timing para a assinatura nunca existiu.

“Conversamos ocasionalmente, mas não fomos além do entendimento de quais opções estavam em jogo e não eram as certas. Nossas posições nunca se alinharam. Acho que o timing é importante, e as coisas acontecem no fim por um motivo. Em temporadas recentes, meu contrato sempre expirou em anos diferentes dos outros pilotos. No fim, foi assim”, explicou o piloto.

LEWIS HAMILTON; SEBASTIAN VETTEL; GP DA TURQUIA;
Lewis Hamilton é cumprimentado pelo amigo Sebastian Vettel no GP da Turquia (Foto: Mercedes)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Antes do vínculo com a Mercedes, Hamilton fez seis temporadas pela McLaren, com direito ao primeiro título mundial do piloto, em 2008, que também é o mais recente da equipe de Woking. Lewis ressaltou a importância de sua liberdade de expressão e comportamento da Mercedes.

“Eu cresci muito na McLaren, mas eles tinham certas expectativas sobre como um piloto deveria se comportar e isso se contrastava com o fato que sempre fui um estranho, um inconformista. Antes de assinar com a Mercedes, eu disse: ‘Olha, sou diferente dos outros. Me deixem ser eu mesmo, experimentar coisas, porque tenho de descobrir quem sou. Em todo caso, eu ajudo e faço a marca crescer entre os jovens’. E foi o que aconteceu”, completou.

Siga o GRANDE PRÊMIO nas redes sociais:
YouTube | Facebook | Twitter Instagram | Pinterest | Twitch | DailyMotion

Siga o GRANDE PRÊMIO nas redes sociais:
YouTube | Facebook | Twitter Instagram | Pinterest | Twitch | DailyMotion

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube