Hamilton se irrita com comentários de Ecclestone e diz que fechar com Mercedes foi “a melhor decisão”

“Nervoso” com os comentários de Bernie Ecclestone sobre uma ajuda do dirigente na tentativa de trocar a McLaren pela Red Bull, Lewis Hamilton reiterou que está feliz na Mercedes e disse que foi a melhor decisão que já tomou na carreira

Opinião GP: desonesto com Webber, Vettel põe caráter em xeque 

Antes de toda a polêmica envolvendo o GP da Malásia e o confronto entre Mark Webber e Sebastian Vettel, a notícia do dia no paddock em Sepang ficou por conta das revelações de Bernie Ecclestone sobre Lewis Hamilton. No meio da temporada passada, o britânico, que já tinha decidido deixar a McLaren, procurou o dirigente para ajuda-lo a encontrar uma nova equipe e pediu que Bernie intercedesse junto a Red Bull para assumir o posto de titular neste ano.


A negociação acabou não sendo frutífera, já que a esquadra comandada por Dietrich Mateschitz acabou optando pela renovação de contrato com Webber por mais um ano. Em setembro do ano passado, Hamilton acabou anunciando sua ida para a Mercedes, na transação mais surpreendente da F1 nos últimos anos.
Em grande fase, Hamilton não escondeu a irritação com os comentários de Bernie Ecclestone (Foto: Getty Images)

Durante entrevista coletiva em Sepang, Lewis, mesmo após ter conquistado seu primeiro pódio pela nova equipe, não escondeu a irritação com os comentários de Ecclestone. 

“Ele parece só fazer esses comentários sobre mim por alguma razão. Isso me deixa um pouco nervoso porque nós temos uma boa relação e sou muito franco com ele sobre uma série de coisas”, disse Hamilton. “Não sei o que dizer a respeito dos comentários dele”.

Fato é que Hamilton não negou que chegou a procurar a Red Bull, mas disse que a decisão pela Mercedes foi a melhor que já tomou na carreira. 

“Acho que ele disse algo sobre eu ter falado com a Red Bull? Disse à minha equipe de gestão para falar com todas as equipes e me dar quais eram as melhores opções. Não houve segredo. No fim das contas, estou aqui, e essa é a melhor decisão que já tomei”, finalizou Lewis, quarto colocado no Mundial de Pilotos, com 25 pontos.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube