Honda aproveita brecha nas regras e leva novo motor para Red Bull e AlphaTauri na Áustria

As duas equipes taurinas vão ter um reforço a mais para a prova que vai abrir a temporada 2020 da Fórmula 1. Isso porque a Honda aproveitou uma permissão no regulamento esportivo para desenvolver a nova versão da sua unidade de potência, que vai ser entregue neste fim de semana

A Honda está determinada a ajudar a Red Bull a ser a grande concorrente da Mercedes na luta pelo título em 2020. E, numa jogada de mestre, conseguiu aproveitar uma brecha no regulamento que determinou o período obrigatório de 49 dias de férias durante a pandemia para desenvolver uma atualização da sua unidade de potência para o fim de semana do GP da Áustria. O novo motor, que também vai ser entregue à filial AlphaTauri, foi construído em Sakura, no Japão, na sede da Honda.

Diz o artigo 21.10 do regulamento esportivo que “será aberta uma exceção para as fábricas com sede em países onde a lei e/ou os sindicatos impõem períodos diferentes de fechamento. Neste caso, essas fábricas podem substituir alguns dias deste período de férias por outros períodos impostos localmente. Os fabricantes de motores afetados por isso devem fazer uma declaração à FIA para que seus funcionários não possam trabalhar no país que não esteja fechado durante tais períodos”.

Desta forma, a Honda optou por um período parcial de férias, enquanto o restante dos 49 dias determinados pelo regulamento vai ser cumprido no verão no Hemisfério Norte. A manobra permitiu que a fábrica japonesa seguisse no desenvolvimento da unidade de potência enquanto as concorrentes Ferrari, Mercedes e Renault tiveram de fechar as portas.

A Honda trabalha para repetir a vitória da Red Bull na Áustria neste ano (Foto: Red Bull Content Pool)

Assim, a fábrica de Sakura vai levar para o Red Bull Ring uma versão de motor diferente da que estava programada para acelerar na Austrália, cuja prova foi cancelada às vésperas do primeiro treino livre, em 13 de março, em razão do surgimento de casos positivos de coronavírus na McLaren e de funcionários do paddock da Fórmula 1.

A nova versão do motor Honda é apenas uma das armas da Red Bull para lutar contra a Mercedes naquela que é a sua corrida caseira em 2020. Isso porque a equipe capitaneada por Christian Horner, Helmut Marko e Adrian Newey desenvolveu atualizações também para o RB16, como um novo assoalho e uma asa dianteira revisada. As peças já foram testadas por Alexander Albon no dia de filmagem promovido pela equipe de Milton Keynes na quarta-feira passada, em Silverstone.

Vencedora nos dois últimos anos na Áustria com Max Verstappen, a Red Bull dá mais um passo para ser a principal concorrente da favorita Mercedes para tentar triunfar novamente no domingo.

O GRANDE PRÊMIO acompanha AO VIVO e em TEMPO REAL todo o fim de semana do GP da Áustria, prova que abre a temporada 2020 do Mundial de Fórmula 1. Siga tudo aqui.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube