Insatisfeito com ritmo da Mercedes, Hamilton vive “dia muito difícil” na Malásia: “Temos de rever tudo”

Apenas sexto colocado no primeiro dia de treinos para o GP da Malásia, Lewis Hamilton reconheceu que teve um dia muito difícil nesta sexta-feira (29). Britânico falou em encontrar rumo e reagrupar para as sessões de sábado

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Lewis Hamilton não começou o fim de semana do GP da Malásia em sua melhor forma. Nesta sexta-feira (29), o #44 fez a melhor de suas 15 voltas no treino da tarde em 1min32s677 e ficou apenas com a sexta colocação, 1s416 atrás de Sebastian Vettel, o líder dos trabalhos.
 
A Mercedes se mostrou fora do ritmo ainda na primeira sessão do dia, realizada com o asfalto molhado, mas seguiu na mesma batida de tarde, já com a pista seca. 
Lewis Hamilton admitiu dia "muito difícil" na Malásia (Foto: AFP)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

Ainda sem entender a causa do fraco desempenho que o deixou atrás até mesmo de Fernando Alonso, Hamilton falou em encontrar o rumo e reagrupar antes dos treinos de sábado.
 
“Foi um dia muito difícil”, resumiu Hamilton. “Tive dificuldades com o carro hoje, então temos de rever tudo e tentar entender onde erramos com o equilíbrio”, apontou.
 
“Esperamos que possamos encontrar o rumo esta noite e reagrupar para amanhã”, concluiu.
 
O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades da F1 na Malásia AO VIVO e em TEMPO REAL, com livetiming e gráfico interativo.

#GALERIA(7198)
 
TORO ROSSO DEMOROU DEMAIS

REBAIXAMENTO SEGUIDO DE AFASTAMENTO DE KVYAT É TUDO, MENOS INJUSTO  

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube