Räikkönen diz que Covid-19 “é coisa do passado” e se anima com retorno à Alfa Romeo

Kimi Räikkönen perdeu os GPs da Holanda e da Itália por Covid-19. O finlandês prega foco no GP da Rússia, ainda mais após ver “algum potencial” na Alfa Romeo nas últimas semanas

SAINZ: ‘NÃO QUERO SER UM BARRICHELLO’ NA F1. FOI DEPRECIATIVO?

Kimi Räikkönen está de volta ao paddock da Fórmula 1. O finlandês, ausência nos últimos dois GPs por contrair Covid-19, garantiu um retorno à altura do GP da Rússia desta semana. Kimi, acima de tudo, vai se esforçar para deixar o contratempo no passado e buscar um bom resultado pela Alfa Romeo.

Eu estou bem, obrigado”, disse Räikkönen em entrevista coletiva. “Fico feliz por voltar ao carro depois de perder duas corridas. É claro que ninguém quer testar positivo, mas é o que aconteceu e precisamos respeitar as regras. Tudo isso já é coisa do passado, meu foco está aqui, em Sóchi”, seguiu.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Kimi Räikkönen voltará à F1 no fim de semana do GP da Rússia (Foto: Alfa Romeo)

Räikkönen foi substituído por Robert Kubica nos GPs da Holanda e da Itália. O polonês teve dificuldades após um ano e meio de ausência na F1, mas o companheiro Antonio Giovinazzi encontrou velocidade no bólido alvirrubro. O italiano levou a Alfa Romeo ao Q3 duas vezes e, apesar de sofrer nas corridas, deixou claro que o carro pode render bons resultados.

“A equipe mostrou algum potencial nas últimas corridas, mas agora é hora de converter isso em bons resultados. Não acho que esse meu retorno tem algo de diferente. Só quero fazer meu trabalho e, tomara, fazer uma boa corrida. Ele [Kubica] até poderia conseguir um resultado melhor, mas certamente não é fácil voltar a uma corrida após tanto tempo longe. Nunca seria algo fácil, mas eles fizeram o melhor possível”, concluiu Räikkönen.

Räikkönen faz em 2021 a despedida da Fórmula 1. O piloto será substituído por outro finlandês, com Valtteri Bottas trocando Mercedes por Alfa Romeo. A outra vaga segue sem dono, sendo a última incerteza no mercado de pilotos para 2022. 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar