Räikkönen perde freios, bate e se aposenta da F1 com abandono no GP de Abu Dhabi

Na metade do GP de Abu Dhabi que decide o Mundial de Fórmula 1 em 2021, Kimi Räikkönen perdeu os freio se tocou levemente o muro. Foi o fim

TUDO SOBRE A DECISÃO DA F1. AO VIVO APÓS A CORRIDA | Briefing

A longa carreira de Kimi Räikkönen terminou neste domingo (12), na metade do GP de Abu Dhabi de Fórmula 1. No GP de número 350 e último, o campeão mundial de 2007 ficou sem freio no carro da Alfa Romeo e acabou tocando o muro de leve. O suficiente para causar danos e forçar o abandono. É assim que Räikkönen deixa a cena.

O fim de semana derradeiro da história do piloto que mais andou na Fórmula 1 em todos os tempos já era problemático por conta da batida de sexta-feira, no segundo treino livre. A classificação veio com eliminação logo no Q1.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Kimi Räikkönen deixa a F1 com problemas de freio em Abu Dhabi (Foto: Reprodução/F1 TV)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

No domingo, o freio falou quando Räikkönen se encaminhava para a entrada da curva seis. Kimi rodou e foi com a traseira direto na barreira de proteção após o fim da área de escape. O contato não foi forte, o finlandês conseguiu retomar o controle e voltar para pista, mas foi aos boxes. A Alfa Romeo avaliou o carro e concluiu que abandonar era a melhor decisão.

Räikkönen anunciou que deixaria a F1 há alguns meses e, após um tour de despedida, está de fato fora do Mundial. Kimi estreou na F1 em 2001 e, apesar de ter decidido sair por conta própria e ficar fora em 2010 e 2011, voltou em 2012.

O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do GP de Abu Dhabi, que decide o Mundial, AO VIVO e EM TEMPO REAL.

Paddockast #133: Hamilton x Verstappen: o esquenta para a grande final da F1 2021
Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar