Líder em teste, Russell celebra primeiro ano na F1: “Uma curva de aprendizado”

George Russell voltou a testar a Mercedes e superou Charles Leclerc para ser o mais rápido do segundo dia de testes da Pirelli, realizado em Abu Dhabi. Piloto da Williams celebrou a nova oportunidade de testar o carro campeão do mundo, e mostrou ansiedade por 2020

George Russell teve um ano complicado na Williams, mas recebeu mais uma oportunidade de testar a Mercedes, agora na sessão promovida para testar os pneus que a Pirelli pretende colocar na temporada 2020, e o inglês não decepcionou, anotando o tempo mais rápido da quarta-feira (4).
 
Sem pontos em sua temporada de estreia na Fórmula 1, Russell mostrou felicidade com a oportunidade de pilotar o carro vencedor de 15 corridas e hexacampeão do mundo.
 
"Foi um prazer pilotar o W10, o carro campeão, hoje. Testamos os pneus de 2020 e aprendi muita coisa sobre eles, e tenho certeza que isso vai ajudar a mim e o time na próxima temporada, o que é positivo", disse o piloto de 21 anos, campeão da F2 em 2018.
George Russell (Foto: Mercedes)
O piloto comentou que ainda fará mais um teste da Pirelli na próxima semana, e mostra ansioso para competir novamente.
 
"Tem sido um ótimo dia na pista e terei mais tempo de pista na próxima semana quando farei o teste de desenvolvimento para a Pirelli antes da minha temporada. Estou animado para descansar nos próximos dias antes de voltar ao meu regime de treinos para conseguir a melhor preparação para 2020", citou.
 
"Minha primeira temporada tem sido uma grande curva de aprendizado, e já estou ansioso para a Austrália, que é quando voltamos a correr no próximo ano", completou
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube