Sargeant celebra primeiro ponto na F1 no GP dos EUA: “Orgulho do trabalho árduo”

Logan Sargeant herdou a 10ª posição devido a desclassificação de Lewis Hamilton e Charles Leclerc, que tiveram um desgaste excessivo da prancha do assoalho de seus carros

Depois de uma espera de 18 corridas, Logan Sargeant finalmente pontuou na Fórmula 1. Neste domingo (22), o americano da Williams recebeu a bandeira quadriculada no GP dos Estados Unidos na 12ª posição, mas as desclassificações de Lewis Hamilton, da Mercedes, e Charles Leclerc, da Ferrari, colocaram o americano no top-10.

Hamilton, que tinha sido segundo, e Leclerc, que cruzou a linha de chegada em sexto, foram desclassificados por causa de desgaste excessivo na prancha do assoalho. Sargeant valorizou o esforço próprio e da Williams para conquistar o ponto, o primeiro de um americano na F1 em 30 anos.

Relacionadas


“É incrível marcar meu primeiro ponto em casa, especialmente depois do fim de semana desafiador que tive. Estou muito orgulhoso da equipe e de mim mesmo pelo trabalho árduo e progresso que temos feito nesta temporada”, celebrou Sargeant.

Na corrida sprint, Sargeant finalizou apenas na 19ª posição, mas conseguiu dar a volta por cima no domingo, beneficiado também pelo fato de Haas e Aston Martin largarem do pit-lane. Isso deixou o americano partindo de 16º com a Williams.

Sargeant é o primeiro americano em 30 anos a pontuar na F1 (Foto: Williams)

“Trabalhamos duro durante a noite para encontrar uma direção positiva para o carro e conseguimos. Não pudemos mudar muita coisa, mas trabalhamos nos sistemas, usando as ferramentas no meu volante para ajudar a levar o carro para a direção certa”, detalhou o dono do carro #2.

O americano também relatou um pequeno contratempo no início da corrida em Austin, que o fez ficar para trás dos adversários ainda na primeira curva.

“Tive uma ótima largada, mas infelizmente peguei uma zebra alta na curva 1 e entrei em anti-stall, o que me custou algumas posições. Isso mudou um pouco a corrida, mas lutamos e dei o meu máximo em todas as voltas. Demos passos na direção certa, e isso é algo em que podemos nos basear e avançar conforme vamos ao México“, concluiu o americano.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Chamada Chefão GP Chamada Chefão GP 🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias da Fórmula 1 direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.