Mercedes garante nova asa “e outros itens” aos dois pilotos no Canadá: “Grande benefício”

Chefe da Mercedes, Toto Wolff garantiu que os dois pilotos vão usar a nova asa dianteira da equipe, estreada em Mônaco, no GP do Canadá. E ainda disse que "outros itens" estão sendo desenvolvidos para a etapa de Montreal

Depois de George Russell estrear uma nova asa dianteira produzida pela Mercedes no GP de Mônaco, a equipe alemã vai disponibilizar o artefato também para Lewis Hamilton na próxima etapa da Fórmula 1, o GP do Canadá, que será disputado neste fim de semana. Chefe da esquadra alemã, Toto Wolff acredita que o item trouxe um impacto positivo já em Monte Carlo, mas promete oferecer ganhos ainda maiores nas próximas etapas da temporada 2024.

“Os dois pilotos terão a asa dianteira atualizada no Canadá, além de alguns outros itens desenvolvidos para essa etapa”, garantiu Wolff. “Ela nos deu um pequeno ganho em tempo de volta ao longo das estreitas ruas de Monte Carlo e deve oferecer um grande benefício nos próximos circuitos”, analisou o chefe da Mercedes.

Na opinião de Wolff, a Mercedes segue “fazendo progresso” na categoria. O austríaco admitiu que os resultados não indicam isso de forma clara, mas assegurou que a equipe vai continuar trabalhando com foco em se colocar na briga com o pelotão de frente da F1 — atualmente formado por Red Bull, Ferrari e McLaren.

“Tivemos um fim de semana encorajador em Mônaco. Continuamos fazendo um sólido progresso com nosso carro, melhorando o equilíbrio geral e dando um passo a mais em relação aos que estão à frente. Esse progresso ainda não aparece em termos de posições, mas, se continuarmos a cobrir a distância para os carros mais rápidos, sabemos que aparecerá”, disse.

Hamilton terá nova asa pela primeira vez no Canadá (Foto: Mercedes)

Além disso, Wolff destacou a competitividade do pelotão da frente, que reúne cada vez distâncias menores entre os carros, principalmente nas classificações. O dirigente ainda aproveitou para elogiar a pista canadense e admitiu que a Mercedes se acostumou a viver grandes momentos em Montreal na época em que dominava a Fórmula 1.

“A competitividade do pelotão da frente é incrível. O grid está comprimido, e não temos ilusões: os outros vão continuar a melhorar. Temos de continuar trabalhando e, aos poucos, vamos nos colocar na briga. O Circuito Gilles Villeneuve é uma pista brilhante, com uma mistura de curvas de baixa velocidade e retas rápidas. Produz grandes corridas”, avaliou.

“Sempre gostamos de voltar a Montreal, os fãs são incrivelmente apaixonados pela F1. Vivemos muitos momentos bons lá ao longo dos anos. Espero que possamos adicionar mais um neste fim de semana”, completou o chefe da Mercedes.

GP do Canadá de Fórmula 1nona etapa da temporada 2024, acontece entre os dias 7 e 9 de junho.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Chamada Chefão GP Chamada Chefão GP 🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias da Fórmula 1 direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.